Nudez Mortal – JD ROBB – #Resenha

Sinopse: Eve Dallas é tenente da Polícia de Nova York e está caçando um assassino cruel. Em mais de dez anos na força policial ela já viu de tudo e sabe que a própria sobrevivência depende de seus instintos. Eve avança contra todos os avisos que lhe dão para não se envolver com Roarke, bilionário irlandês, o principal suspeito de um dos casos de assassinato que ela está investigando. A paixão e a sedução, porém, possuem regras próprias, e depende de Eve assumir um risco nos braços de um homem sobre a qual ela nada sabe, a não ser a necessidade de sentir o toque dele, que se transformou em um vício para ela… Primeiro Capítulo.

Ficha Técnica

Nudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Titulo Nacional: Nudez Mortal – Skoob 

Titulo Original: Naked in death – GoodReads

Autor(es): JD Robb (pseudónimo da Nora Roberts)

Tradução: Renato Motta

Editora: Bertrand Brasil

Ano: 2011

ISBN: 978-85-286-1064-0

Coleção: Série Mortal

Volume: 01

Número de páginas: 350

Sobre a Autora

Nudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

J.D ROBB é o pseudónimo que a autora Nora Roberts usa para escrever a Série Mortal, ela é uma das autoras mais queridas e respeitadas no mundo. Ela tem mais 200 milhões de cópias vendidas em todo o mundo e cerca de 90 bestsellers na lista do New York Times. Nora sempre teve a vontade de escrever romances policiais, mas durante muito tempo seguindo as instruções de sua agente ela somente ficava concentrada em romances contemporâneos. Os editores da Editora Putnam, para a qual trabalhava, sugeriu que ela adotasse um pseudônimo para esse tipo de livro e eles os publicariam um por ano. As inicias J.D. vieram se seus filhos Jason e Dan, enquanto o Robb é uma abreviatura de seu próprio nome.

Opinião da Nathy

Nora Roberts é a minha autora favorita, pois mesmo depois de ter escrito mais de 40 livros consegue sempre estar inovando em seus temas, em seus mocinhos e, principalmente, em suas mocinhas. A primeira vez que ouvi falar dessa série dela fiquei com os dois pés atrás, porque além de ser longa, fiquei com muito receio em me decepcionar com sua escrita, acreditando que não conseguiria manter o nível alto em seus livros, no entanto após uma amiga minha comentar novamente sobre a série, resolvi me arriscar e dar uma chance, meu único arrependimento até hoje é de não ter começado a ler esses livros logo na primeira vez que fiquei sabendo sobre eles.

Nessa série que Nora Roberts escreve com o pseudônimo de J.D Robb o cenário é futurista, passando em Nova York no ano de 2058. Por mais que nesse cenário no futuro as coisas já sejam diferentes, como ter uma licença para mendigar ou para se prostituir, tem uma coisa que não mudou, a essência humana. Em seu primeiro Nudez Mortal, os leitores são levados para um mundo não tão diferente de sua realidade, onde pessoas são assassinadas e usadas como se não fossem seres humanos. A autora consegue prender do começo ao fim o leitor com sua narrativa fluente, é impossível começar e não querer chegar até ao fim, para finalmente prender o assassino.

Seis horas antes, ela matara um homem, e assistira à morte penetrar em seus olhos. Não era a primeira vez que usara força extrema, ou tivera pesadelos. Aprendera a aceitar o ato e suas consequências.

Eve Dallas é a Tenente da Polícia de Nova York que não poupa nenhum esforço para fazer justiça a cada uma das vitimas que encontra em seu caminho. Uma personagem muito bem construída, pois não é como a maioria das mocinhas que sentem medo diante do primeiro desafio proposto. No entanto, apesar de ter essa personalidade forte, o que já me faz gostar demais dela, Eve me deixou por muitos momentos irritada, acredito que a autora tenha feito uma pesquisa antes de escrever o livro e inclusive se baseado em alguém para construir uma personagem tão cativante, porém, não consigo acreditar nem por um segundo que alguma policial/detetive seja capaz de ficar uma noite inteira sem dormir ou dias sem comer somente para pegar algum assassino. Além desse pequeno defeito que pode facilmente passar despercebido, Eve nos cativa ainda mais por seu passado obscuro que nem mesmo ela sabe o que lhe aconteceu, deixando o leitor ainda mais curioso para descobrir mais sobre seu passado e porque dessa sua personalidade.

Os assassinatos nesse livro são prostitutas licenciadas, alguém acreditando que essas mulheres não são dignas de viverem acaba as matando de acordo com seus próprios motivos. Inclusive, acredita fielmente de que a Eve Dallas não é digna de sua vida, que apesar de uma profissão diferente não é muito melhor que todas as mulheres que matou antes. Como é o primeiro livro da série gostei do caso e a forma como foi abordado, no entanto, o assassino em si não era muito complexo e acredito que por isso logo de inicio consegui identificar de quem se tratava. O fato dele não ser tão complexo, não significa que a raiva, o nojo e o modo metódico do assassino não deixou de me impressionar.

O assassino queria apenas que ela constatasse o quanto ele era bom naquilo. O quanto era frio.

E queria também que ela compreendesse que ele sabia exatamente onde encontrá-la. Sempre que quisesse

Como principal suspeito desses assassinatos tem Roarke, um homem que não pode ser definido como milionário porque ultrapassa completamente essa definição, além disso é um homem muito perigoso que não mede esforços para alcançar seus objetivos, não se importa em derrubar quem estiver em seu caminho. Confesso que assim que o personagem foi apresentado me vi fascinada pelo modo como ele falava, andava e até mesmo se preocupava com a detetive. Ainda que a autora o descreva como o homem mais lindo do mundo, o estereótipo de homem que toda mulher sonha secretamente (ou não), o que encanta mesmo nesse personagem é o seu modo de ser, o modo como protege aqueles que ama, se pudesse trazer um homem dos livros a vida com toda a certeza seria o Roarke o meu escolhido.

-É de se estranhar que eu a queira nua em minha cama? Pode deixar que eu aviso, tenente – e voltou para trás de sua mesa – Nesse meio tempo, procure dormir um pouco.

Eve não está sozinha em sua investigação, consta com a ajuda do Comandante Whitney, que sempre está disposto a cobrir suas costas até mesmo nos momentos em que se encontra de mãos atadas. Ele e Feeney, o homem que treinou Eve para ser a melhor detetive, tem como a detetive uma filha, por isso são tão protetores em relação a ela. Tenho que dizer que o Feeney foi o que mais agradou entre os dois, porque vendo que sua amiga/filha/detetive estava correndo perigo decidiu colocar algumas cartas na mesa e mostrar quem manda de verdade, mesmo que a pessoa tenha todo o dinheiro do mundo.

Nos Estados Unidos a série consta com 42 livros publicados e mais ‘ Celebrity in Death’ e ‘Delusion in Death’ que tem previsão de lançamento esse ano. Fora os livros oficiais, a autora ainda escreveu 9 antologias, ou seja, história individuais e curtas que não influenciam diretamente com as histórias principais. A editora Berthand que está publicando a série no Brasil, não trouxe as antologias, até o momento tem 19 livros publicados, com o 20º tendo o lançamento previsto para abril, caso queira visualizar a capa e sinopse que já foram disponibilizadas pelo editora, clique aqui.

-Vou estar lá. Feeney, ele não vai escapar desse laço.

-Então certifique-se de que o laço está bem apertado, garota. Vejo você às oito

Quote Favorito

Nudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

As capas são as coisas que querendo ou não chamam mais a atenção em primeiro lugar e somente tenho elogios a editora Berthand no que se refere as dessa série, pois conseguiram captar a essência do livro em uma simples marca, também gosto de como conseguem dar uma ênfase ao nome da autora, deixando chamativo, sem fazer com que seja a única coisa que os leitores conseguem ver, como acontece nas americanas, que pode conferir aqui embaixo. A diagramação é bem simples, sendo que cada capítulo inicia em uma nova página, a tradução também não tem nenhum erro, pelo menos não foi capaz de encontrar de tão envolvida que fiquei na leitura. As páginas são brancas como padrão dessa série, não tive nenhum problema com isso, mas têm leitores que não gostam muito.

Nudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Nudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Nota da Nathy

Nudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMNudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMNudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Nudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMNudez Mortal - JD ROBB - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Datas de Lançamentos

  • Nudez Mortal – Lançado em 2004 – Resenha
  • Glória Mortal – Lançado em 2004
  • Eternidade Mortal – Lançado em 2005
  • Êxtase Mortal – Lançado em 2005
  • Cerimônia Mortal – Lançado em 2006
  • Vingança Mortal – Lançado em 2006
  • Natal Mortal – Lançado em 2007
  • Conspiração Mortal – Lançado em 2007
  • Lealdade Mortal – Lançado em 2008
  • Testemunha Mortal – Lançado em 2008
  • Julgamento Mortal – Lançado em 2009
  • Traição Mortal – Lançado em 2009
  • Sedução Mortal – Lançado em 2010
  • Reencontro Mortal – Lançado em 2010
  • Pureza Mortal – Lançado em 2011
  • Retrato Mortal – Lançado em 2011 – Resenha
  • Imitação Mortal – Lançado em 2011 – Resenha
  • Dilema Mortal – Lançado em 2012 – Resenha
  • Visão Mortal – Lançado em 2012
  • Sobrevivência Mortal – Lançado em 2013
  • Origem Mortal – Lançamento previsto para 2013
  • Memory In Death – Sem previsão de lançamento
  • Born In Death – Sem previsão de lançamento
  • Innocent in Death – Sem previsão de lançamento
  • Creation in Death – Sem previsão de lançamento
  • Strangers in Death – Sem previsão de lançamento
  • Salvation in Death – Sem previsão de lançamento
  • Promises in Death – Sem previsão de lançamento
  • Kindred in Death – Sem previsão de lançamento
  • Fantasy in Death – Sem previsão de lançamento
  • Indulgence in Death – Sem previsão de lançamento
  • Treachery in Death – Sem previsão de lançamento
  • New York to Dallas – Sem previsão de lançamento
  • Celebrity in Death – Sem previsão de lançamento
  • Delusion in Death – Sem previsão de lançamento
  • Calculated in Death – Sem previsão de lançamento
  • Thankless in Death – Sem previsão de lançamento

Onde Comprar

About the Author:

Nathalia Garcia - A Nathy! Tem 26 anos e é formada em Psicologia. Seu maior vício são os livros, ela sempre está se arriscando em um novo desafio literário. Romances policiais são os seus favoritos. Nos últimos anos também se tornou uma apaixonada por séries. Once Upon a Time e Criminal Minds são algumas das suas séries prediletas.

10 Comments

  1. Natielle Silva 26 de julho de 2014 at 01:11 - Reply

    Oi, ainda não li nada da Nora Roberts mais sempre fui curiosa com essa serie, vi o livro no instagram do blog da Mari mesmo e me encantei, mais fiquei meio insegura porque a serie é muito longa e o gasto seria grande, mais amei a resenha e colocarei ele na minha listinha, só fiquei chateada porque as paginas são brancas e prefiro mais as paginas amareladas, mais darei uma chance ao primeiro livro. 🙂

    • Nathalia Garcia 29 de julho de 2014 at 16:41 - Reply

      Oiee!!

      A série é bem grande, mas quando menos espera tem ela completa em sua estante. Acho que se gosta do genero de romance policial também irá gostar demais desse livro. A Nora tem um toque para escrever esses livros que impressiona a cada novo =)

  2. Ludmila Vianna 11 de março de 2013 at 05:23 - Reply

    A série é perfeita, estou no 9° livro já. É impossível não amar, e posso te dizer com toda certeza que mesmo no 9° livro, vc sempre sente a mesma empolgação do primeiro, ela não perde a mão em nenhuma das historias, é sempre uma mais excitante que a outra.

    • Nathalia Garcia 12 de março de 2013 at 18:00 - Reply

      @facebook-100001764539203:disqus Acho que essa é a série mais perfeita que já li de verdade. Concordo plenamente com você impossivel não amar Eve, Roarke e toda a sua turma, já estou mega ansiosa pelo Sobrevivente Mortal que chega nas livrarias em abril rs as histórias ficam cada vez melhores e muito mais emocionantes *-*

  3. Maisa Schvind Sydor 11 de março de 2013 at 04:15 - Reply

    sempre tive voltade de ler essa série e esse post me deixou mais ainda, o q me desanima um pouco é q a série é muito longa.
    Adoro a Nora Roberts acho ela uma escritora genial!
    Achei a capa do livro aqui no Brasil muito mais bonita, não tenho nada contra as paginas brancas o q me incomoda um pouco e q com o tempo de ficar na estante a parte de cima dos livros vai ficando com umas marcas e nos livros com as paginas daquele tipo meio envelhecido isso fica mais discreto.
    bjks

    • Nathalia Garcia 12 de março de 2013 at 17:59 - Reply

      @twitter-245541930:disqus Ahhh que linda, adoro quando as resenhas fazem vocês ficarem com mais vontade de ler o livro rs

      Concordo a série é muito longa, quando peguei a primeira vez foi com desânimo, mas depois você não vê a hora de pegar o próximo.
      Nora Roberts é muito diva consegue escrever em qualquer estilo e sem perder a pose rs
      A editora está mandando muito bem em suas capas minha única preocupação é que ocm o tempo acabem perdendo o ritmo sabe?
      Dê uma chance ao primeiro que não vai se arrepender 😉

  4. Débora 5 de março de 2013 at 00:30 - Reply

    Também demorei a começar a ler a série. Quando me disseram que era futurística fiquei com o pé meio atrás, não gosto muito de histórias assim e acho que pela série ser enorme, me agarrei ao “não gostar de histórias assim” rsrs.

    Comecei a ler, me apaixonei e não me arrependo em nenhum momento. Já vamos para o 20º livro e Nora ainda consegue nos prender como se fosse o 1º. Nora Roberts é mais que demais, ela é diva.

    Quem não queria trazer Roarke para o mundo real rsrs
    Sortuda é a Eve que o tem… invejinha…

    Aciosa demais por “Sobrevivente Mortal”. Tomara que saia mesmo em abril, seria meu presente de niver *-*

    • Nathalia Garcia 7 de março de 2013 at 18:37 - Reply

      @twitter-91832021:disqus Oiee flor *-*

      Sempre evitamos séries quando alguém nos dá alguma margem do que está por vir nos livros, também me agarrei nisso de que não iria gostar, de que era muito grande, mas não tem jeito quando começamos a ler somente percebemos o quão boa é a série rs

      Estou atualmente lendo o 19º Visão Mortal e amando, apesar de ter menos do Roarke, ainda assim a história prende demais, impossivel não se apaixonar, ela é diva demais.

      Realmente sortuda é a Eve que tem esse homem maravilhoso inteiramente para ela rs

      Também estava querendo de presente de niver apesar de que faço agora em março, mas vale presente atrasado ne? rs

      Beijos

  5. Letícia Andrade 5 de março de 2013 at 00:09 - Reply

    Nunca li nada da Nora, mas tenho vontade 😀

    • Nathalia Garcia 7 de março de 2013 at 18:35 - Reply

      @google-f996d3ec3bd1e79746e33c28cd6670e4:disqus Oiee Leticia, muito recomendo Nora Roberts ela consegue cativar os leitores em todos os seus livros rs

Os comentários são previamente moderados, mas eles são muito importantes para nós! Então comentem! =)