A Irmandade das Calças Viajantes – Ann Brashares – #Resenha

/, Ann Brashares, Livros, O Blog da Mari, Resenhas, Rocco Jovens Leitores/A Irmandade das Calças Viajantes – Ann Brashares – #Resenha

Sinopse: Nada no mundo pode separá-las. Tibby, Carmen, Bridget e Lena são amigas de verdade. Companheiras, cúmplices, confidentes. E a amizade delas, ao que tudo indica, não é pura coincidência. Pode ter acontecido antes mesmo de nascerem, afinal vieram ao mundo em um intervalo de dezessete dias de diferença entre uma e outra. Não é mesmo uma coincidência?

Pela primeira vez, porém, as quatro adolescentes iriam passar o verão separadas. Carmem visitaria o pai na Carolina do Norte. Lena e a irmã ficariam duas semanas na Grécia com os avós. Bridget iria para uma colônia de férias. Tibby ficaria em casa mesmo e começaria a trabalhar em uma farmácia. Definitivamente, este seria o verão mais longo de suas vidas. As quatro decidiram, então, faze rum pacto ou inventar um código, um elo que as unisse enquanto estivessem viajando. E encontraram a solução num velho jeans comprado no brechó, surrado e desbotado. Aquelas calças que eram tudibom, transformaram-se num símbolo de amizade e passaram a pertencer às amigas igualmente. Surgia assim, a Irmandade das Calças Viajantes, com direito a cerimônia secreta, juramente e dez mandamento básicos para o uso dos jeans.

Ficha Técnica

A Irmandade das Calças Viajantes - Ann Brashares - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Titulo Nacional: A Irmandade da Calças Viajantes – Skoob

Titulo Original: The Sisterhood of the Traveling Pants – Goodreads

Autor(es): Ann Brashares

Tradução: Angela Melim

Editora: Rocco Jovens Leitores

Ano: 2003

ISBN: 85-325-1511-8

Série: Calças Viajantes

Volume: 01

Número de páginas: 312

Sobre a Autora

A Irmandade das Calças Viajantes - Ann Brashares - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Ann Brashares cresceu em Maryland e estudou Filosofia em Nova York. Para financiar os estudos começou a trabalhar cedo em uma editora de livros. Apaixonou-se pelo trabalho, desistiu do curso e permaneceu no mesmo emprego durante muitos anos. Em 2002, entretanto, resolveu começar a escrever. Gostou tanto da experiência que virou escritora em tempo integral e lançou A Irmandade das Calças Viajantes, seu primeiro romance, que, mais tarde, ganharia as telas de cinema. Amante do verão, de calças jeans e de viajar, Ann Brashares mora atualmente na cidade de Nova York com o marido, Jacob Collins, e seus três filhos, Sam, Nathaniel e Susannah, a caçula, e membro honorário da irmandade.

Booktrailer

Opinião da Nathy

Esse é um dos livros do meu desafio do mês passado, meu primeiro contato foi através do filmes ‘Quatro amigas e um jeans viajante’ mas, confesso que não tinha me empolgado porque tinha visto trechos do segundo filme e com as coisas que ficaram no ar e não sabia ser era tão fiel assim aos livros. Então resolvi mudar de ideia e dar uma chance aos livros e confesso que não me arrependi estou muito ansiosa para continuar descobrindo mais sobre essas amigas. Nesse primeiro livro conhecemos a história de quatro amigas que vão passar cada uma férias em um local, após encontrarem uma calça que serve em todas elas, decididem que nesse verão todas irão usar a calça pelo menos duas vezes e assim começa a aventura dessas quatro amigas.

A narrativa no começo é em primeira pessoa, porém não consegui identificar muito bem quem estava narrando, por isso senti muita dificuldade em entender o que estava acontecendo naquele momento e isso fez com que nessas partes a leitura se tornasse um tanto cansativa, após passar para a terceira pessoa parece que ganha um novo ritmo e tudo fica melhor.

Estava claro para mim que não foi por causa de uma tragédia qualquer que as calças entraram em nossas vidas. Simplesmente tinham testemunhado uma dessas mudanças de vida – comuns, embora dolorosas. Ao que tudo indica, foi esse O Caminho das Calças.

Tibby é a amiga que ficou em casa e por isso se sentia ainda mais sozinha, pois enquanto suas amigas estavam aproveitando, ela somente trabalhava e ia para casa, sem contar ficar olhando toda encantada para Tucker um rapaz que não me encantou em absolutamente nada. No começo fiquei morrendo de pena dela, mas após Bailey sua nova amiga de doze anos aparecer vi uma grande evolução na personagem, teve um pequeno momento que fiquei com raiva dela, mas entendi porque estava se comportando daquela forma, confesso que em uma determinada parte cheguei a me emocionar e contive as lágrimas.

Carmen é a personagem que mais me fez sofrer junto, foi passar as férias com seu pai acreditando que seria o melhor verão de sua vida, porém o mesmo está prestes a se casar com uma mulher que tem dois filhos, senti compaixão de Carmen porque também sentiria muita raiva do meu pai caso fizesse algo parecido sem nem mesmo me contar e ainda praticamente nem se importar com o que estava sentindo, a personagem tem algumas atitudes que não tomaria, mas de certa forma me senti conectada com ela. Paul o seu irmão postiço me fez em alguns momentos pensar que poderia estar gostando dela, mas nada de romance entre eles é desenvolvido, pelo menos não nesse primeiro livro.

De repente, ouviu um estrondo e virou a cabeça. Fascinada, acompanhou toda a pirâmide que tinha feito de antitranspirante desmoronar sob o peso de uma menina. A menina, em queda, não conseguiu se equilibrar, como Tobby esperava que fizesse. Foi direto ao chão, e a cabeça fez um toim oco no linóleo.

Lena está Grécia justamente na ilha Santorini, não imaginam o tanto que desejo conhecer esse local por ser considerado um dos mais bonitos e românticos, então já estava muito empolgada esperando pelo que viria em sua história. De todas as meninas sua personalidade foi com a qual mais me identifiquei, as mesmas coisas que ela sentia e passava também já haviam acontecido de alguma forma na minha vida, menos a confusão que ela se meteu, nessa parte ri demais. A sua personalidade não é tão forte, mas é decidida naquilo que deseja, sem contar a sua falta de confiança nos homens, até cheguei a sentir pena do Kostos.

Por fim, Bridget a amiga mais linda de todas e que sempre consegue aquilo tudo que deseja. O estilo dela e a situação que passou na minha visão foi a mais chata, porém a que muitos adolescentes enfrentam, principalmente as meninas. Ficar toda apaixonada pelo treinador do seu acampamento e faz de tudo para conseguir ele, porém nesse caminho acaba tomando decisões que a tornam mais madura do que as outras. Ainda que não tenha curtido sua história ela se encaixou de uma maneira perfeita na história.

Vovó tinha tanta capacidade de guardar segredo como Effie. Olhou para Lena com ar de conspiração.

A comunicação entre elas é feita através de cartas o que torna tudo ainda mais dinâmico por sabermos exatamente o que estão pensando e sentindo. Essa série de livros acredito que seja uma das melhores para adolescentes que passam por dificuldades nessa fase, porque para ninguém exatamente igual ou no mesmo momento e esse livro de certa forma ajuda na compreensão do que está se passando e de como pode tentar se comportar para tentar evitar as consequências ruins futuras.

Querida Bee, Estou anexando um retalho bem pequeno do forro do meu avental. Em parte, me deu prazer cortar essa roupa e, em parte, queria que você visse a espessura do poliéster. Tibby

A série consta com 4 livros publicados no Brasil pela a editora Rocco Juvenil, enquanto nos Estados Unidos após uma pesquisa constam 5 livros ainda não se tem notícias se a editora irá publicar, mas ainda que tivermos alguma informação publicaremos em nossas redes sociais.

Quote Favorito

A Irmandade das Calças Viajantes - Ann Brashares - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

A Irmandade das Calças Viajantes - Ann Brashares - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Essa é uma capa que ao mesmo tempo me cativa também me deixa receosa porque uma capa com uma calça na frente não é algo que realmente diz muito livro, sem contar que não é realmente o foco da história, acredito que ficaria mais bonita se fossem as amigas na capa ou até mesmo cada uma na ponta do jeans. A diagramação também está ótima, não tenho queixas quanto a tradução, as páginas continuam padrão da editora, um fato legal é que os capítulos começam em uma nova página com uma calça na frente e uma frase ou das meninas ou de algum autor conhecido ou desconhecido.

 

Nota da Nathy

A Irmandade das Calças Viajantes - Ann Brashares - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMA Irmandade das Calças Viajantes - Ann Brashares - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMA Irmandade das Calças Viajantes - Ann Brashares - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMA Irmandade das Calças Viajantes - Ann Brashares - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMA Irmandade das Calças Viajantes - Ann Brashares - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Onde Comprar

About the Author:

Nathalia Garcia - A Nathy! Tem 26 anos e é formada em Psicologia. Seu maior vício são os livros, ela sempre está se arriscando em um novo desafio literário. Romances policiais são os seus favoritos. Nos últimos anos também se tornou uma apaixonada por séries. Once Upon a Time e Criminal Minds são algumas das suas séries prediletas.

10 Comments

  1. Pcila 23 de setembro de 2014 at 16:05 - Reply

    oi, eu conheci o filme primeiro, assistimos num acampamento tradicional meu e de mais três amigas, ficamos pasmas com a personalidade das meninas, pois batiam perfeitamente com a nossa, apesar de termos idades diferentes (hj temos 30, 27, 25 e 23), vivíamos juntas e nos conhecemos desde sempre (nossas famílias são amigas), daí por diante passamos a nos chamar pelo nome das personagens (eu sou a Tibby rsrs), lemos os livros, fizemos montagens nossas, bem aquelas coisas de adolescente bobo. Infelizmente crescemos e nos distanciamos, hj eu moro em outra cidade e vejo com uma frequência muito pequena as meninas…fica assim: Converso com Lena o tempo todo(pelo face e whats); e sempre que vou pra lá acabo parando pelo menos 5 minutos pra bater um papo com a Carmen (temos muitas boas histórias); mas Bee e eu mal nos falamos, rola no máximo um comentário de sacanagem na foto uma da outra ou coisa do tipo (face e insta).
    A coisa que mais sinto falta é das minhas amigas, mas não o que somos hoje, sinto falta do que fomos, ver esse filme – ler os livros, me faz lembrar de nós. Somos hj completamente diferente do que eramos Lena não tem absolutamente mais nada de quieta/tímida, faz tanta loucura, socializa o tempo todo, anda até dando umas exageradas; Carmen abriu o próprio negócio, tá noiva, parece feliz, realizada; Bee casou, só o conheço por foto (o marido), vivo vendo fotos das comidas e passeios que eles fazem juntos, ela é sempre muito divertida, pra cima, não acho que não seria feliz; e eu sou funcionária do Estado RJ, mudei pra uma cidade do interior, não tenho namorado, falo com pouquíssimas pessoas, engordei uns 20 kg. Eu espero que as meninas tenham tido um futuro melhor.
    Foi maravilhoso ter nossas personalidades descritas em outras pessoas, foi assustador ver como eu realmente era rabugenta(eu não sabia disso antes do filme), e minhas amigas eram exatamente como as outras personagens.
    Quero muito ler o quinto livro e ver que destino elas tiveram, se vocês souberem onde está vendendo ou quando, por favor, me informem

    • Nathalia Garcia 28 de setembro de 2014 at 12:59 - Reply

      Oiee Pcila!!

      Nossa é realmente legal quando nos identificamos dessa forma e ainda mais quando vemos nosso grupo de amigos sendo descritos no livro.
      Você já deu uma olhada na saraiva e no submarino? Geralmente eles têm todos os livros dessa série =)
      Beijso

  2. Pah 19 de abril de 2013 at 23:09 - Reply

    Eu vi o filme e ache bonitinho, mas não me empolguei muito para ler os livros.

    Gostei da resenha, mas acho que mesmo assim não leria… minha lista deleituras já tá muito grande

    • Nathalia Garcia 21 de abril de 2013 at 23:05 - Reply

      @twitter-474397968:disqus Acho que os livros são muitos mais empolgantes ainda mais que certas coisas não acontecem como é mostrado no filme, não sei teria que ver desde o começo o filme rs
      Esse é um livro leve para relaxar, mas se tem outros na frente tem que se manter nas prioridades rs

      • Pah 7 de maio de 2013 at 19:18 - Reply

        MTOS outros na frente… culpa das editoras que só ficam publicando livros que eu quero… assim meu bolso nao aguenta

        • Nathalia Garcia 9 de maio de 2013 at 17:59 - Reply

          @twitter-474397968:disqus Nem fala vamos acabar indo a falência com tantos livros bons sendo lançados rs

  3. fabiene o. 19 de abril de 2013 at 00:22 - Reply

    Eu amo, amo, amo, amo com todas as minhas forças essa série. ‘Cresci’ com elas, comecei e terminei a ler a série com a mesma idade das meninas e eram tipo minhas melhores amigas rs. Eu não consegui me identificar com apenas uma, na verdade me identifiquei com todas. Cada livro você se emociona com a historia de uma, no segundo chorei de soluçar com a historia da Bee, gente fiquei desidratada.
    Quando descobri que tinha o quinto livro fiquei louca, espero que alguma editora traduza logo, quero saber o que acontece com elas.
    Desculpa pelo comentário enorme, mas gente como eu amo essa série <3 minha preferida depois de Harry Potter.

    • Nathalia Garcia 21 de abril de 2013 at 23:05 - Reply

      @twitter-15912476:disqus Nossa ler nessa fase deve ser a melhor coisa justamente pela a identificação, acho que autora soube passar isso da melhor forma todos os dramas que os adolescentes vivem. Estou louca para ver a continuação, espero me emocionar também com a Bee.
      Acho que a editora irá traduzir, não acho que a Rocco iria deixar assim na mão os fãs da série.
      Fique tranquila auqi no blgo amamamos comentários grandes e que compartilhem as experiências com a gente 😉
      PS: Harry Potter está na minha lista desse ano também rs
      Beijos

  4. Larissa Campos Souza 18 de abril de 2013 at 23:57 - Reply

    EEEEEE!!! Além de eu acertar a dica no facebook amei a resenha! Li os volumes 1, 2 e 3 há um tempão, e foi ótimo ‘reviver’ a história!
    Beijos Nathy

    • Nathalia Garcia 21 de abril de 2013 at 23:03 - Reply

      @twitter-63964134:disqus Ahhh que alegria saber disso rs Os p´roximos livros já estão na minha lista de leitura rs … Beijos

Os comentários são previamente moderados, mas eles são muito importantes para nós! Então comentem! =)