A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista – Jennifer E. Smith – #Resenha

Home/A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista, Jennifer E. Smith, Livros, O Blog da Mari, Resenhas/A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista – Jennifer E. Smith – #Resenha

A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo: A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista – Skoob | Goodreads

Titulo Original: The Statistical Probability of Love at First Sight

Autor(es): Jennifer E. Smith

Tradução: Camila Mello

Editora: Galera Record

Ano: 2013

ISBN: 978-85-01-09544-2

Número de páginas: 224

Sinopse: Com uma certa atmosfera de Um dia, mas voltado para o público jovem adulto, A probabilidade estatística do amor à primeira vista é uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se extravia… Confira aqui o primeiro capítulo.

[divider3 text=”Sobre o Autor”]

A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMJennifer E. Smith é autora, também, de The Comeback Season e You Are Here. Se formou em redação criativa pela Universidade de St. Andrews, na Escócia, e, atualmente, trabalha como editora em Nova York.

[list style=”arrow”]

 

 

[/list]

[divider3 text=”Opinião da Mari”]

Desde que vi a capa de A probabilidade estatística do AMOR a primeira vista, me encantei pelo livro e sem nem ao mesmo ler sua sinopse, já sabia que iria me interessar pelo livro. Quando a Galera Record anunciou o lançamento do livro e grande partes dos blogueiros começaram a comentar quão bom o livro seria a minha ansiedade somente aumentou, então quando finalmente peguei o livro e iniciei a leitura estava muito empolgada e com expectativas altíssimas.

O livro de fato é bom, a história é linda e trata temas, que me agradaram, pois são importantes, mas não são exatamente os piores do mundo – comento mais sobre isso a seguir – contudo, algo realmente me incomodou durante a leitura do livro, sua narrativa. Do inicio ao fim do livro, a forma como a história estava sendo contada ficava “martelando” na minha mente. Acredito que o problema tenha sido só comigo, e talvez, só tenha acontecido, porque ultimamente tenho lido muitos livros em primeira pessoa, mas a narrativa em terceira pessoa de A probabilidade estatística do AMOR a primeira vista definitivamente não me agradou.

[note color=”#E5C1C1″]

“Naquela mesma manhã, o casamento pareceu ser a pior coisa da vida, mas agora ela entende que cerimônias realmente terríveis e coisas bem mais tristes podem acontecer a qualquer momento. Ao sair do trem com os outros passageiros e passas pelas palavras ESTAÇÃO DE PADDINGTON nos ladrilhos da parede, Hadley torce para estar errada quanto ao que a espera naquele lugar”

[/note]

Esse tipo de narrativa geralmente me agrada, pois é possível conhecer um pouco mais dos personagens e seus sentimentos, mas nesse caso, a narrativa foi em terceira pessoa, mas apenas mostrava o ponto de vista de Hadley, como em um livro de descrito em primeira pessoa, então porque não escrevê-lo em primeira pessoa?! Durante a narrativa também há diversas idas e vindas ao tempo, pois durante os acontecimentos as lembranças de Hadley também eram descritas, nesse ponto a diagramação não me agradou muito também, pois o texto era uma sequencia única, o que fez com que a leitura do livro não fluísse tão bem, quanto achei que aconteceria.

Dito isso, não tenho do que reclamar, o livro acontece em apenas em 24 horas, mas as intensidades dos acontecimentos fazem com que tudo pareça durar muito mais tempo. Sabe aquela famosa e clichê frase “tudo que é perfeito dura tempo o bastante para se tornar inesquecível”, pois é exatamente assim que os fatos acontecem no livro, pequenos detalhes, mudam o curso de vida dos personagens, fazendo com que alguns erros (como o atraso de exatamente 4 minutos de Hadley) se tornem momentos perfeitos e inesquecíveis na vida deles.

[note color=”#FFF2D2″]

“-Quando você chega ao final dos 52 anos – explica -, parece que foram apenas 52 minutos. – Ela inclina a cabeça para trás e engole a pílula – Da mesma maneira que quando você é jovem e está apaixonado, sete horas num avião pode parecer uma eternidade.”

[/note]

Jennifer Smith, a autora do livro, como disse anteriormente aborda diversos temas importantes – na vida de um adolescente e do ser humano em si – como a descoberta de um novo amor, a dificuldade de uma separação – seja ela de qualquer maneira – e a dificuldade que temos de nos expressar quando perdemos a pessoa que amamos (ou acreditamos que amamos). O mundo não é perfeito e nem tudo acontece da maneira que esperamos, mas muitas vezes uma simples conversa pode esclarecer os fatos e fazer com que um relacionamento perdido seja “consertado”.

Enfim, o livro é um romance jovem, com uma mensagem reflexiva e com certeza uma leitura recomendada. Se já leu o livro deixe nos comentários, se não leu o livro ainda, mas se interessou comente conosco e quando ler venha comentar novamente.

[divider3 text=”Quote Favorito”]

A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

[divider3 text=”Capa e Diagramação”]

O livro segue o padrão da editora com páginas amarelas e letras de bom tamanho. Ele tem detalhes no inicio de seus capítulos, informando o horário nos diferentes fuso-horários, que a história se passa. Não tive problemas de tradução e a única coisa que me incomodou foi a falta de espaçamentos durante as idas e vindas ao tempo durante a narrativa, o que não sei dizer se foi um problema da editora ou do texto original.

A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Já a capa do livro é perfeita! Tinha gostado da capa original do livro, mas depois de ler preciso dizer que a versão original é muito melhor. Na capa americana os personagens parecem mais velhos do que os narrados, enquanto a arte da nacional passa uma imagem mais jovem e irreverente. Também gostei muito das cores usadas na capa e da “parte de baixo” dos personagens, representam bem dois momentos importantes da história. O detalhe em avião com janelas em forma de coração, só mostraram o cuidado da editora, que realmente fez um excelente trabalho.

A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

[divider3 text=”Nota da Mari”]

A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM   A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM    A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM   A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM   A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

[divider2]

O livro é uma cortesia da Editora Galera Record. A resenha realizada aponta os pontos positivos e\ou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.

[divider2]

A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista - Jennifer E. Smith - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

About the Author:

Mariana Garcia - A Mari! Tem 28 anos e é formada em Engenharia da Computação. Seu maior vício são as séries. Sua watchlist está lotada, mas nunca demais para adicionar um novo reality show. Nos livros assim como nos filmes seu gênero predileto são os romances e as comédia românticas (chick-lits).

35 Comments

  1. Kamila Anselmo 24 de julho de 2014 at 14:30 - Reply

    Só pela capa e pelo título da muuuuita vontade de ler esse livro. Só vi comentários positivos sobre ele, espero ler em breve <3

  2. Larissa Portela 22 de julho de 2014 at 19:26 - Reply

    Estou doida para ler este livro! minha amiga já leu e disse que eh mto bom, tb quero ler.

  3. Amanda Freitas 20 de julho de 2014 at 03:51 - Reply

    Faço das suas palavras, as minhas. Eu senti exatamente o que você sentiu nesse livro. Pareceu que as 24 horas era na verdade 24 dias, e a autora fez com que isso acontecesse sem que agente perdesse nada da história e conseguisse se apaixonar pelo livro. Eu amei, foi uma leitura diferente e que me prendeu do inicio ao fim. E a minha parte favorita foi o final, que ela fechou com chave de ouro. Amei, amei muito esse livro. E amei a sua resenha também, que disse tudo o que eu achei do livro.

  4. Guilherme 9 de julho de 2014 at 18:46 - Reply

    Fiquei mais curioso para ler este livro.

  5. Taisa Espindola 3 de fevereiro de 2014 at 09:22 - Reply

    Eu tenho MUITA vontade de ler este livro, ele parece muitooo fofo.
    Entendi suas considerações sobre o fato da narrativa, realmente tb não entendi q a autora escolheu 3 pessoa se só queria mostrar o lado da menina. Mas não sei se isso me incomodaria tanto na leitura, para mim ainda é pior uma 1 pessoa chata.
    Assim que der eu vou comprar esse livro, pq eu acredito demais nessa probabilidade!heheheheh
    Bjus.
    =]

  6. Pedro Henrique 8 de junho de 2013 at 13:02 - Reply

    Acabei de descobrir o blog e as promoções são ótimas. Você escreve muito bem as resenhas! Tá de parabéns :p

  7. Naiady Almeida 8 de junho de 2013 at 01:45 - Reply

    Descobri seu blog hoje por acaso e estou apaixonada, de verdade! Quanta informação legal, tem tudo o que eu preciso bem aqui!.

    Esse livro deve ser uma fofura, e acho muito legal que ela fale sobre assuntos relacionados a adolescência, como você destacou!

    Parabéns pela resenha e pelo blog.

    http://sonhices.blogspot.com.br/

  8. iSaqui 2 de junho de 2013 at 15:45 - Reply

    Eu quero esse livro.

  9. Waleska 2 de junho de 2013 at 09:15 - Reply

    Desde que vi a capa do livro aqui no blog já me apaixonei, estou louca pra ler, parece ser uma gracinha. Já está na lista de leituras!

  10. Kathia Emidio Viana 1 de junho de 2013 at 19:55 - Reply

    Estou ansiosa para ler esse livro,pois adoro romances e quando vi a capa que é uma gracinha tive certeza.O livro é muito bem comentado e sua resenha é impecavél!

  11. Vanessa Llona 30 de maio de 2013 at 11:36 - Reply

    Achei a capa bem fofa também, quando vi já fiquei intrigada, parece ser um romance leve. Não acredito em amor a primeira vista, mas em livros é sempre legal de se ver.

  12. Rafael Dourado 29 de maio de 2013 at 15:15 - Reply

    Acabei o livro agora. É realmente muito bom, e sim, eu também me incomodei com a narração… Acho que foi por estar sob efeito da narração de A culpa é das estrelas. Mas o livro não deixa nada a desejar. História linda, que eu indico para todos.

  13. Tamires Pereira 29 de maio de 2013 at 14:55 - Reply

    Eu dei uma olhada rápida na sua opinião porque eu gosto de ler um livro sem saber muito sobre a sinopse, mas pelo o que eu li, me interessei bastante, estou torcendo para ganhar a promoção ou encontrar ele em alguma livraria, parabéns pelo blog

  14. Luiza Reis 28 de maio de 2013 at 15:34 - Reply

    Nossa esse livro parece ser ótimo não vejo a hora de ler

  15. Hávila Lins 27 de maio de 2013 at 14:46 - Reply

    Estou muito ansiosa em ler este livro, pois tem muita gente falando muito bem do mesmo e só aumenta a minha vontade de lê-lo. Adorei sua resenha, muita bem escrita e as suas opiniões foram expressas de forma sincera e inteligente.Parabéns!!
    Beijos!!

  16. Vanessa Riper 27 de maio de 2013 at 13:55 - Reply

    Olá!
    Esse livro vem sendo super bem comentado ultimamente. Eu ainda não li, mas achei a história super bonitinha, acredito que além de servir para o entretenimento do leitor o livro passa uma história bacana sobre relacionamentos familiares!
    Espero poder ler em breve
    Bejos! 😉

  17. Mah 25 de maio de 2013 at 20:34 - Reply

    quero muito ler esse livro, todo mundo fala muito bem dele e é o tipo de leitura que eu mais gosto: romance, adolescente, leve. Parece um livro muito fofo

  18. Lilica 24 de maio de 2013 at 02:45 - Reply

    Li o livro rapidinho, a trama em si é leve, mas confesso que esperava mais do livro. O que me deixou um pouco insatisfeita é que falou demais no pai da Hadley a ponto que parecia que o livro era mais sobre o relacionamento dela com o pai do que ela e o Oliver. O título me indicava mais romance, talvez seja por isso que eu tenha me decepcionado um pouco. Ok, entendo que a autora quis dar mais profundidade no drama dos personagens, colocando um passado de dificuldades familiares (problemas com o pai especificamente), mas chega uma hora que os flashbacks da Hadley são tão longos que a gente se perde no ponto em que estava.
    As partes do casal foram fofas e adorei as citações do Charles Dickens. O final também não foi lá grandes coisas, mas o livro é um bom passatempo para quem quer curtir uma leitura despretensiosa.

  19. Gabriella Nacor 24 de maio de 2013 at 00:57 - Reply

    Participando da promoção u.u

  20. Raquel 23 de maio de 2013 at 20:29 - Reply

    Vai ter o segundo livro desse ou acaba ai????

  21. Laís Helena 22 de maio de 2013 at 18:49 - Reply

    mais um jovem adulto na minha lista de leitura….. com esse tema então…

  22. Cristiane de oliveira 22 de maio de 2013 at 16:02 - Reply

    Eu fiquei com muita vontade de ler esse livro desde que lançou, achei tão bonitinho e apesar de gostar de livros grandes, curtinhos também é uma boa desde que sejam bem escritos e levem direto ao ponto, como acho que seja o caso, amei de como descreveu a história, quero muito ler a capa é uma graça.

  23. Joy Elpidio 21 de maio de 2013 at 18:15 - Reply

    Eu já li esse livro em PDF e é exatamente assim q o livro é eu adorei ele, um dos livros mais fofos que eu já li, e a capa é linda e ótima resenha

  24. Ray O'Shea Von Grimm 18 de maio de 2013 at 18:21 - Reply

    Estou querendo muito esse livro,muitas pessoas estão falando bem dele.
    Achei a capa perfeita!

  25. Naiane Almeida 17 de maio de 2013 at 10:21 - Reply

    Impossível calcular a probabilidade da minha vontade em ler esse livro

  26. Victoria Mazza 16 de maio de 2013 at 21:26 - Reply

    Me interessei pela história, já tinha ouvido falar sobre esse livro… E a capa, então? Maravilhosa!

  27. patrícia 16 de maio de 2013 at 20:30 - Reply

    Eu quero!!

  28. Elizabete S. 16 de maio de 2013 at 18:59 - Reply

    Ele parece ser um livro muito bom, só estou vendo resenhas positivas sobre ele, não vejo a hora de ler!!!

  29. Vitoria Sousa 16 de maio de 2013 at 09:36 - Reply

    Amei o post..agora to louca pra ler o livro 😀

  30. […] dar?! Eu quero Mari! Muito bem, então prepare-se para se apaixonar com No Limite da Atração e A probabilidade estatística do AMOR a primeira vista, dois livros excelentes, que resenhamos aqui no blog e sortearemos dia […]

  31. Yasmin Christine 15 de maio de 2013 at 21:26 - Reply

    É um livro extremamente fofo, eu me apaixonei logo quando vi a capa, quando eu realmente comecei a ler não me arrependi da escolha. Tinha horas que que lia os capítulos e suspirava, quando eu terminei de ler fiquei imaginando se um dia isso poderia acontecer comigo, queria muito que acontecesse, mas eu não tenho essa sorte. Amei a resenha, parabéns pelo blog 😀

  32. […] A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista – Jennifer E. Smith […]

  33. Matheus Francisco 5 de maio de 2013 at 06:59 - Reply

    Eu sou completamente apaixonado por esse livro, e a questão da diagramação de quando ela “volta no tempo” também me incomodou um pouco. Mas eu achei esse livro quaaaaase perfeito. :DD

    Te indiquei para uma tag no meu blog:
    http://a-song-of-fire.blogspot.com.br/2013/05/tag-alfabeto-literario.html

  34. stefanigoulart 1 de maio de 2013 at 14:05 - Reply

    Eu estou louca para ler esse livo Mari! No começo das divulgações desse lançamento nunca tinha parado pra ler a sinopse nem nada e nunca tinha reparado muito na capa, porém depois que as resenhas sobre esse livro começaram a surgir nos blogs literários, passei a lê-las e mesmo sem ter lido o livro, já me apeguei muito à história e sei que pegarei o livro para ler com altas expectativas. Espero não me decepcionar!

    Beeijos,
    iSteh

  35. Diane Segatto 1 de maio de 2013 at 12:42 - Reply

    Eu amei o livro, pois faz a gente pensar em muitas coisas que passam despercebido em nosso dia-dia, uma briga sem motivos que levamos mais a serio e muitas vezes deixamos de falar com a pessoa,e se pararmos para pensar foi uma coisa totalmente boba.Li o livro depois que entrei no blog e vi que a Mari estava lendo, ai comecei a ler também e amei o livro.

Os comentários são previamente moderados, mas eles são muito importantes para nós! Então comentem! =)