Segundo episódio ainda melhor do que o primeiro. Somente tive um problema com os flash apresentados, mas comento abaixo mais sobre isso. No geral foi muito bom e está atiçando cada vez mais a minha curiosidade. It’s All Her Fault manteve o ritmo do primeiro episódio. Estou bem curiosa pelos próximos episódios e para onde Shonda está caminhando essa história. Então continue lendo e saiba mais a minha opinião sobre o episódio lembrando que CONTÉM SPOILERS para quem ainda não assistiu.

A Annalise está sempre com uma pose superior nos tribunais e enfrentando qualquer outra pessoa. Porém, dentro da sua casa está com muito medo do próprio marido. O que ela foi dormindo com o marido mesmo tendo suas suspeitas de que era o assassino da aluna. Fiquei pensando que talvez acreditasse em sua inocência mesmo, mas é o contrário. Talvez dormiu com ele porque está com medo de que a mate também se não agir de uma forma amorosa. Não sei, mas ela ficou bem fragilizada nesse episódio. Gostei que mostrasse os seus dois lados, porém quero que o lado mais forte prevaleça. Que coloque medo nas pessoas ao seu redor e que tenha medo delas.

How to Get Away With Murder - 1X02: It’s All Her Fault - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Eu me irritei um pouco com os flashes. Muitas das cenas foi uma repetição do primeiro episódio e me incomodou demais. Duas cenas foram novas mostrando que Wes está fazendo tudo isso para ajudar a Rebecca. Então queria ter visto mais cenas dele individual e não somente duas. Que ele esteja a ajudando e compreensível já que está muito a fim dela. Agora os outros quatros alunos? Não faço a menor ideia do que porque iam se colocar nessa linha de tiro. Curiosidade máxima com tudo.

How to Get Away With Murder - 1X02: It’s All Her Fault - #Review | OBLOGDAMARI.COM

A série é para ter uma perspectiva mais séria e sombria. Porém, o caso da semana me arrancou algumas risadas. O homem havia matado a sua primeira esposa e sabia que a filha tinha matado a segunda esposa em força de vingança. Mas, o jeito de ele falar e explicar tudo me fazia rir. Estava bem tranquilo com tudo e falando como se fosse bem normal ter matado a mulher. E quando estava na cama com o menino e começou a fingir que estava matando a esposa, todos ficaram até tensos. E o homem fazendo de uma forma bem simples. Gostei demais do personagem e do caso.

How to Get Away With Murder - 1X02: It’s All Her Fault - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Gostei ainda mais do fato da menina que ainda não sei o nome conseguiu se destacar. Ela sempre fica de um jeito meio perturbado nas aulas e quando Annalise está falando sobre o caso. Adorei o fato de que ela e o Wes são vistos como peso no grupo e estão cada dia mais mostrando seu valor. Wes conseguiu descobrir que a menina era a verdadeira assassina e a menina conseguiu que o homem fosse inocentado. Isso é ótimo para os outros dois que são bem arrogantes aprenderem e correr atrás do prejuízo. Pelo visto ela vai acabar se envolvendo com o Frank. Não sei se gosto dessa ideia porque fica ainda mais parecido com Grey’s Anatomy.

How to Get Away With Murder - 1X02: It’s All Her Fault - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Outro momento que dei risada foi quando o Asher perguntou ao Connor se ele era gay. Foi bem engraçada a cena. E o Connor mesmo afirmando que não faz a coisa de namorar está todo caidinho pelo Oliver. Não somente pelas coisas que ele pode descobrir, mas realmente quer passar um tempo com ele. Ainda não sei o que pensar do casal. Mesmo porque o Connor o procura quando precisa de alguma coisa para seu caso. Pode ser que continue aparecendo somente assim, ou acabe tendo uma relação com a morte principal da série.

How to Get Away With Murder - 1X02: It’s All Her Fault - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Comentários Rápidos