Grey’s Anatomy – 11X06: Don’t Let’s Start – #Review

Home/Greys Anatomy, O Blog da Mari, Reviews, Séries/Grey’s Anatomy – 11X06: Don’t Let’s Start – #Review

Don’t Let’s Start foi mais um episódio regular de Grey’s Anatomy. Nada de muito importante parece acontecer no decorrer do episódio, mas ao finalizá-lo consigo enumerar diversos pontos, que me agradaram.

Continue lendo e compartilhe conosco sua opinião, lembrando que a partir deste momento, o post tem spoilers.

Geralmente tenho dificuldade em comentar sobre episódios como esse, pois diversas histórias são desenvolvidas ao mesmo tempo e a falta de linearidade, acaba fazendo com que eu perca a minha objetividade. Sendo assim focarei (foca nela) nas tramas, que me fizeram ter opiniões concretas.

Arizona continua sendo o foco da série, mas a realidade é que eu não dou a mínima se ela vai conseguir aprender as coisas com a doutora, ou, se a mulher vai morrer antes do tempo. A ideia de cirurgias em feto me parece incrível, elas praticamente brincam de deus e eu realmente acho que é um privilégio para a Arizona poder participar de procedimentos assim, mas eu preferia ver o filme do Pelé (ou a trama de qualquer outro personagem), pois simplesmente não gosto dela.

Grey's Anatomy - 11X06: Don't Let's Start - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Assim como não gosto de diversos outros personagens atualmente na série. Alguns como Arizona por serem extremamente irritantes e outros apenas por não terem graça alguma, como Bailey e Ben. Do meu modo de ver, atualmente há tantos personagens em Greys, que o desenvolvimento de muitos deles já nem importa mais e eles só aparecem em episódios como esse para “encher linguiça”. O que as vezes acho uma pena, pelo potencial que alguns, como Bailey, já tiveram no passado.

Grey's Anatomy - 11X06: Don't Let's Start - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Outro casal, que vejo no mesmo patamar é Jackson e April. Eu gostava tanto do casal e no momento eles parecem estagnados na série. Alguns pontos foram abordados nesse episódio a respeito da chegada do bebê, que eu gostei muito, como a necessidade da mulher em ter uma ajuda extra da mãe, por mais preparada que ela possa estar. A falta de experiência por parte de muitos pais e a forma que cada um do seu jeitinho vai lidando com toda a “gostosa” loucura que me parece ser a experiência de ter um bebe. Mesmo a gravidez sendo um tema já abordado na série anteriormente.

You gave what you had to give. You served.

Além dessas três tramas principais outros três momentos do episódio merecem destaque apesar do seu pequeno tempo em tela. Em terceiro lugar (brincadeira essa não é uma premiação), o caso com a menina, que vivia em seu carro e havia servido no Iraque como técnica de computadores. A nobreza da menina em não se achar digna de um benefício dado aos soldados me pareceu compreensível e só demonstrou ainda mais o quanto ela o merecia. O caso me fez pensar o quanto eu admiro o patriotismo dos americanos, assim como a forma que eles valorizam cada uma das pessoas que servem um país. Nesse ponto as coisas no Brasil são tão diferentes, que chega a ser triste (mas pelo menos o país não está em guerra, certo? #tentandopensarnosilverlining).

E pensando no lado bom do episódio tivemos duas cenas, para os shippers de plantão ficarem felizes da vida. A primeira com Karev e Jo, que saudade eu estava de momentos juntos e bons dos dois. O medo nos olhos da Jo me deixou morrendo de pena da garota, enquanto a certeza de Alex me fazia suspirar mais uma vez por ele. E já que estou suspirando, deixa eu babar mais um pouquinho, pois ele está lindo. Amo muito o atual corte de cabelo dele (sim sou do tipo que repara nessas coisas) e acho que ele está em sua melhor forma, tanto fisicamente, quanto em seu personagem, que me agrada cada vez mais com todo seu amadurecimento.

Grey's Anatomy - 11X06: Don't Let's Start - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Finalizando, cena MerDer no chuveiro!!! Gente, o que foi aquela cena?! Amei! O casal está com dois filhos, mais deixou claro que o amor e a paixão ainda estão muito presentes na vida dos dois. Do tipo, que faz a pessoa perder a noção do tempo e ainda coloca um sorriso enorme no rosto dela e no de quem assiste. Impossível não lembrar dos bons tempos da segunda temporada, #suspira

Grey's Anatomy - 11X06: Don't Let's Start - #Review | OBLOGDAMARI.COM Grey's Anatomy - 11X06: Don't Let's Start - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Comentários Rápidos

Onde Comprar

About the Author:

Mariana Garcia - A Mari! Tem 28 anos e é formada em Engenharia da Computação. Seu maior vício são as séries. Sua watchlist está lotada, mas nunca demais para adicionar um novo reality show. Nos livros assim como nos filmes seu gênero predileto são os romances e as comédia românticas (chick-lits).

2 Comments

  1. ~ Ivy ~ (@ivyft) 16 de novembro de 2014 at 14:57 - Reply

    Aeeee — Estamos concordando 100% em tudo… Que raro! rs Acho que a nossa divergência era mesmo só a Yang e seu romance! kkkk Passei para ler tudo e ter certeza de concordar mesmo. Kisses!

    • Mariana Garcia 14 de janeiro de 2015 at 20:37 - Reply

      Aeeeee \o/ Fazia tempo que não concordávamos em tudo com a série, rs. Vamos ver o que acontece daqui para frente =) Beijokas

Os comentários são previamente moderados, mas eles são muito importantes para nós! Então comentem! =)