Ilusões Honestas – Nora Roberts – #Resenha

Home/Livros/Resenhas/Ilusões Honestas – Nora Roberts – #Resenha

Sinopse: Filha de um mágico mundialmente famoso, Roxy Nouvelle herdou o talento do pai e sua atração por roubar joias. Nesse mundo colorido, entra Luke Callahan, um artista do escape que rouba o coração da protagonista e que guarda segredos que podem despedaçar suas ilusões. Um homem e uma mulher bem-sucedidos no perigo e na ilusão encontram uma paixão explosiva nesta irresistível história da autora número 1 do The New York Times.

Ficha Técnica

Ilusões Honestas - Nora Roberts - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo Nacional: Ilusões Honestas – Skoob

Titulo Original: Honest Ilusions – Goodreads

Autora: Nora Roberts

Tradução: Natalie Gerhardt

Editora: Bertrand (Grupo Editorial Record)

Ano: 2014

ISBN: 978-85-286-1842-6

Número de páginas: 490

Sobre a Autora

Ilusões Honestas - Nora Roberts - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Nora Roberts começou a escrever em 1979. Depois de várias rejeições, seu primeiro livro, Almas em chamas, foi publicado em 1981. Desde então, ela não parou mais. Sucesso em todo o mundo, Nora já escreveu mais de 200 livros, publicados em mais de 35 países e traduzidos para 25 idiomas. Seus títulos são presença constante na lista de mais vendidos do The New York Times. Nora tem mais de 400 milhões de livros impressos e foi a primeira mulher a figurar no Romance Writers of America Hall of Fame. Também recebeu diversos prêmios por vários de seus livros, entre eles o Golden Medallion, da Romance Writers of America, o RITA e o Quill. O jornal The New Yorker já a chamou de “a romancista favorita dos Estados Unidos”.

Opinião da Nathy

Esse foi o primeiro livro que fiz a leitura esse ano. Estava muito curiosa não apenas por se tratar de um livro da Nora Roberts, mas porque tinha escutado o pessoal falando muito bem. Já estava esperando por mais um romance que iria me levar a loucura. E foi exatamente desse jeito. A história foi muito bem trabalhada do começo ao final. Estava esperando que tivesse algumas cenas do passado e o foco fosse ao futuro. Mas, do jeito que a autora apresentou a história ficou muito melhor. Consegui sentir a dor dos personagens e raiva de outros. Quase como se eles fossem reais. Sabia que em algum momento ia ficar muito emocionada e angustiada. Não esperava passar boa parte da história querendo abraçar os personagens e prometendo que tudo ficaria bem. Na verdade estava falando isso para a minha pessoa porque já estava em um pouco que não aguentava tanto sofrimento.

O livro gira em torno da vida de Roxy e Luke. Duas pessoas que se conheceram quando crianças e aos poucos foi nascendo um amor. Mas, devido a algumas circunstâncias se viram separadas e muito magoadas. Depois de cinco anos voltam a se encontrar e nada mais é igual. A não ser o amor que sentem um pelo outro. No entanto, segredos importantes podem acabar os separando novamente. A narrativa é feita em terceira pessoa com o foco mudando entre os dois principais. Também ocorre uma mudança do presente para o passado, mas nada que faça com que os leitores fiquem perdidos. A história flui de uma forma bem intensa e rápida. Comecei a ler e na mesma tarde estava finalizando porque simplesmente não conseguia largar.

Que droga, Roxy, eu nunca consegui resistir a você.

Por conhecer os personagens desde quando são crianças fiquei muito apegada. A Roxy quando criança é linda demais. Querendo colocar um sorriso no rosto das pessoas e sempre provocando o Luke. Quando chega a adolescência já sabe exatamente quem quer ao seu lado. Já uma mulher não mede esforços para conseguir tudo o que deseja. Uma menina meiga que acaba se tornando uma das personagens mais fortes já escritas pela a autora. Consegue ser firme em suas decisões e mantê-las até o final. Pelo menos em tudo o que não se refere a Luke porque basta um olhar do homem para ficar completamente derretida. Cinco anos de separação pode mudar uma pessoa e por tudo o que a Roxy enfrento eu acho que conseguiu ser forte e meiga ao mesmo tempo. Uma mulher muito batalhadora. Não fiquei em nenhum momento irritada com ela, na verdade estava apenas ao seu lado mesmo que sua família não estivesse. A dor que sofreu ao perder Luke foi intensa demais.

Mas, também sentia uma enorme pena do Luke. Ele quando criança sofreu os piores tipos de abuso e por isso não sabe como confiar em uma pessoa. Mas, faz o seu melhor ao estar ao lado de pessoas das quais realmente gosta. Todos os movimentos que faz é pensando justamente no bem deles. E no bem da mulher que mais ama nesse mundo. O modo como luta por ela quando retorna é perfeito. Sabe que errou e quer consertar de alguma forma esse erro. Nem que para isso tenha que ficar vinte e quatro horas por dia ao lado dela. Ou se tiver que fazer as maiores loucuras. Um mocinho muito apaixonante. Porque no momento em que está seduzindo ela mostra exatamente quem manda nesse jogo. Ao mesmo tempo em que mostra todo seu lado mais vulnerável.

O livro é de romance, mas também sobre perdas. As cenas mais românticas são de dar frio na barriga. Fazia muito tempo que não me sentia assim com um livro. O primeiro beijo dos dois tem tanto desejo e amor que o leitor consegue sentir o mesmo que eles. Assim como nas cenas mais quentes. Não tem apenas o desejo que sentem um pelo o outro, mas todo o amor. Esse foi um dos pontos positivos no livro. Mesmo existindo o desejo tudo ao redor deles era baseado no forte amor que sentiam.

Os dois iriam para o inferno. Mas, por Deus, primeiro dariam um passeio quente e rápido pelo céu.

No livro também tem outro casal mais que perfeito Max e Lily os pais de Roxy. Ele é um mágico, mas muito, além disso, faz alguns trabalhos sujos. Um ladrão que rouba apenas de certas pessoas. Ensina tudo o que sabe sobre a vida para Luke e Roxy. Enquanto, Lily mostra todo o amor que uma mãe pode ter por seus filhos. A história dos dois também é linda. Por diversas vezes fiquei com uma imensa vontade de chorar por culpa desses dois. Principalmente por causa de Lily que ama demais o Max e simplesmente não sabe o que fazer para ajudá-lo. Esse é um tipo de amor muito raro. Que não importa as circunstâncias vai estar um do lado do outro.

Agora quem me deu muita raiva foi do Sam. Um menino que não aceita um não como resposta e acha que o mundo deve girar ao seu redor. Muito insuportável. Tudo o que faz no livro é atrapalhar a vida das pessoas e por tudo o que fez eu acho que sofreu foi bem pouco. Merecia algo muito pior. Quando menino já era arrogante, mas ao crescer se tornou ainda pior. Não consegue tirar a família de Max da cabeça mesmo que já esteja em outra realidade. O tipo de pessoa que não fica feliz até ver que todos estão destruídos ao seu redor. Fiquei com muita raiva e nojo desse personagem.

Odeio perder o show dele. Com certeza, vai ser incrível.

Sabe aquele livro que quando você termina já quer ler de novo? Esse é esse tipo de leitura. A maioria dos livros da autora é desse jeito, mas esse foi um que conseguiu me marcar.

Quote Favorito

Ilusões Honestas - Nora Roberts - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

As capas dos livros avulsos dessa editora são muito bem trabalhadas. Eu gosto do rosto frágil e delicado da menina, ao mesmo tempo em que os olhos dela são duros. Retratando exatamente como é a personagem principal. Os tons de roxo junto com as flores apagadas ficaram lindos. Apenas gostaria que o nome do livro e da autora não ficasse no rosto dela. O nome da autora está em roxo, mas chama tanto a atenção quanto ao nome do livro que está em preto. Gostei muito desse contraste. Ao contrário da maioria dos livros dela esse as páginas são amarelas e grossas. Cada capítulo inicia em uma nova página e tem uma marcação quando tem mudança de cena dentro do mesmo.

Ilusões Honestas - Nora Roberts - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Nota da Nathy

Ilusões Honestas - Nora Roberts - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Ilusões Honestas - Nora Roberts - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Ilusões Honestas - Nora Roberts - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Ilusões Honestas - Nora Roberts - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Ilusões Honestas - Nora Roberts - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Onde Comprar

By | 2017-01-06T14:44:57+00:00 07/01/2015|Categories: Livros, Resenhas|Tags: , , , , , |0 Comments

About the Author:

Nathalia Garcia - A Nathy! Tem 26 anos e é formada em Psicologia. Seu maior vício são os livros, ela sempre está se arriscando em um novo desafio literário. Romances policiais são os seus favoritos. Nos últimos anos também se tornou uma apaixonada por séries. Once Upon a Time e Criminal Minds são algumas das suas séries prediletas.

Os comentários são previamente moderados, mas eles são muito importantes para nós! Então comentem! =)