Sinopse: Depois de construir uma sólida carreira como detetive particular – especializado em casos de infidelidade -, Rafe Sullivan perdeu a fé nas relações humanas. As únicas histórias de amor verdadeiro que conhece são a dos seus pais e as dos seus primos, que Vivem na Califórnia. Quando Rafe precisa sair de Seattle para descansar e esfriar a cabeça, sua irmã, Mia, sugere uma temporada na cidadezinha onde a família costumava passar as férias de verão. No cenário de sua infância, Rafe reencontra Brooke Jansen, que, de garotinha doce e inocente, transformou-se em uma mulher de beleza incomum. Nenhum dos dois consegue ignorar o clima de sedução, e é Brooke quem toma a iniciativa: ela propõe a Rafe um caso de verão, sem amarras nem cobranças. Rafe luta para convencê-la de que eles devem continuar sendo apenas amigos… embora ele mesmo não esteja 100% convencido disso. Primeiro Capítulo.

Ficha Técnica

O Jeito que me Olha - Bella Andre - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo Nacional: O Jeito que me olha – Skoob

Titulo Original: The way you look tonight – Goodreads

Autora: Bella Andre

Tradução: Marsely de Marco Martins Dantas

Editora: Novo Conceito (Grupo editorial Novo Conceito)

Ano: 2014

ISBN: 978-85-8163-595-8

Série: Os Sullivans

Volume: 09

Número de páginas: 270

Sobre a Autora

O Jeito que me Olha - Bella Andre - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Bella Andre é autora best-seller do The New York Times e do USA Today, com 1,5 mulhão de exemplares vendidos no mundo todo. Conhecida por “histórias sensuais e poderosas unidas em um inebriante romance” (publishers Weekly), ela escreveu mais de 20 obras sobre heróis maravilhosas e mulheres as quais eles amarão para sempre. A maioria de seus livros apareceu no Top 10 da Amazon, Barnes & Noble, Apple e Kobo. Teve seus livros taduzidos para nove línguas. Se Bella Andre não está no computador, você pode encontrá-la lendo seus autores favoritos, escalando, nadando ou rindo. Ela é casada e tem dois filhos.

Opinião da Nathy

Mais um Sullivan para conquistar o coração das mulheres. Esse é o primeiro livro com os Sullivans de Seatle. Todos os livros dessa série são um romance bem água com açúcar com o romance acontecendo em menos de cinco minutos. Ao longo da série é perceptível que em alguns livros o romance é mais trabalhado, enquanto em outros parece que foi apenas para preencher um espaço. Com esse livro fiquei muito dividida se tinha gostado ou não. Porque como tudo aconteceu de uma forma ainda mais rápida me lembrou demais o primeiro livro de toda a série. Um amor ultrapassando as barreiras do tempo. Gostei do livro, mas não foi o meu favorito. Ela já escreveu livros melhores.

O leitor conhece então Rafe Sullivan. Um investigador que está cansado de notificar as esposas que foram traídas por seus maridos. Sua vida entrou em uma rotina insuportável. Até que sua irmã Mia fica em seu pé para que saia um pouco da cidade. Inclusive que vá passar as férias na antiga casa de seus pais em que passavam os verões. Sem pensar muito a respeito acaba cedendo e com isso muda toda a sua vida. Nessa casa reencontra Brooke. Uma mulher que passava os verões com eles, mas aquela garotinha já não existe mais. Em seu lugar está uma linda mulher e muito mais desejável. No começo luta contra esse desejo repentino até que percebe não ter mais forças para lutar contra o que mais quer.

A narrativa segue o padrão dessa série sendo em terceira pessoa. O foco muda entre Rafe e Brooke, apenas em uma determinada cena passa a acompanhar Mia e Dylan. Gosto quando a narrativa é nesse estilo porque traz uma coisa diferente na leitura. Não fica tão parado e deixa tudo fluindo de forma mais rápida. Não gosto quando as autoras enrolam demais, ainda mais quando fica muito claro que é exatamente isso está que acontecendo. Os livros dessa autora fluem muito bem quando menos espera já está finalizando o livro. Apenas gostaria que tivesse sido melhor trabalhado o romance como já fez em outros livros.

Todo mundo vê o que esse trabalho está fazendo com você.

Assim como todos os mocinhos Sullivan Rafe consegue conquistar logo nas primeiras páginas. Tem todo um lado selvagem que não gosta de mostrar e que deveria ter sido melhor explorado. Um homem que não aguenta mais seu trabalho, mas ao mesmo tempo o ama demais. Gosta de ajudar as pessoas que estão em dificuldades. Um conquistador que dá um valor muito maior as amizades. Com poucas palavras consegue fazer uma mulher ficar completamente apaixonada, assim como consegue fazer com que fique completamente magoada. Teve momentos que merecia uns bons socos por falar às coisas que não deveria. Ou até mesmo ter comportamentos que tinha certeza que lhe traria problemas no futuro. Estava praticamente se sabotando.

Já Brooke sempre foi à menina mais doce e meiga. Seus pais estão sempre se colocando no meio de seu trabalho, fazendo com que não tenha muita confiança em si mesma. Mas, ao encontrar com Rafe decide que cansou de ser essa mulher. Quer testar o seu lado mais selvagem. Ela acabou tornando o livro mais divertido. Porque estava muito claro que era a mulher doce que todos comentavam, mas também escondia a mulher selvagem que poderia ser. Passa a batalhar ainda mais forte pelo seu trabalho e também para conseguir o homem que ama. Gostei da forma como lidou com cada um de seus problemas. Não foge de uma boa briga, ainda mais se isso quer dizer que no final vai vencer e ficar com o homem que tanto ama.

Nunca precisei de nada, de ninguém. Tanto quanto preciso de você.

E sim os dois pegam fogo na cama. Ele tenta se contiver para não machucá-la porque cisma que é uma mulher frágil. Que não merece o seu lado mais selvagem. Que esse lado pode fazer com que ela saia correndo o mais rápido possível. Ainda bem que Brooke não se deixa levar. Ela faz com que ele deixa seu lado fluir. Gostei muito da química entre os dois. No começo tudo era sobre acabar com esse forte desejo, mas nesses livros nunca é sobre o desejo. Mesmo que ela descreva cada um dos passos não se tornou vulgar. O que me agradou demais.

As famílias quase não aparecem nesse livro, outro ponto que me lembrou do primeiro escrito por ela. Apenas Mia e Dylan aparecem um pouco mais quando vai visitá-lo nessa casa de verão. O que me fez ficar bem curiosa para saber a história desses dois. Os outros irmãos são apenas citados e Ian já parece que será o meu favorito dessa nova leva. A Mia também me deixou um pouco curiosa para saber sobre seu romance, se será com algum cantor ou uma pessoa nova para curar seu antigo amor. Os pais da Brooke aparecem um pouco apenas para incomodar. Estou para ver personagens mais chatos mesmo que seja por cinco minutos.

Quem machucou você?

Mesmo os livros da autora os romances são bem rápidos recomendo para aqueles que gostam. Um bom livro para um final de tarde e aproveitar o máximo da leitura.

Quote Favorito

O Jeito que me Olha - Bella Andre - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

Novamente tem uma mudança no padrão das capas. Espero que tenha sido apenas porque começam com os Sullivans de Seatle porque é chato você começar uma série de uma forma e terminar de outra. Os primeiros livros eram exatamente assim. Com um dos personagens – ou ambos – na frente com uma paisagem de fundo. Particularmente prefiro essas porque trazem uma nova realidade. Espero de verdade que não mude de novo. O homem ficou de um jeito que parece estar muito entediado com tudo. A diagramação segue o padrão da série. Cada capítulo inicia em uma nova página. Tendo uma marcação quando tem mudanças de cena. O número das páginas se encontra na lateral. As páginas são amarelas e grossas.

O Jeito que me Olha - Bella Andre - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Nota da Nathy

O Jeito que me Olha - Bella Andre - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM O Jeito que me Olha - Bella Andre - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM O Jeito que me Olha - Bella Andre - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM O Jeito que me Olha - Bella Andre - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM O Jeito que me Olha - Bella Andre - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Datas de Lançamentos

  • Um Olhar de Amor – Os Sullivans #1 – Lançado em  2012 – Resenha
  • Por Um Momento Apenas – Os Sullivans #2 – Lançado em 2012 – Resenha
  • Não Posso me Apaixonar – Os Sullivans #3 – Lançado em 2013 – Resenha
  • Só Tenho Olhos para Você – Os Sullivans #4 – Lançado em 2013 – Resenha
  • Se Você Fosse Minha – Os Sullivans #5 – Lançado em 2013 – Resenha
  • Quero Ser Seu – Os Sullivans #6 – Lançado em 2013 – Resenha
  • Perto de Você – Os Sullivans #7 – Lançado em 2014 – Resenha
  • Em meus Pensamentos – Os Sullivans #8 – Lançado em 2014 – Resenha
  • Uma Noite Perfeita- Os Sullivans #8.5 – Lançado em 2014
  • O jeito que me olha – Os Sullivans #9 – Lançado em 2014
  • Kissing Under The Mistletoe – Os Sullivans #10 – Sem previsão de lançamento no Brasil
  • It Must Be Your Love – Os Sullivans #11 – Sem previsão de lançamento no Brasil
  • Just To Be With You – Os Sullivans #12 – Sem previsão de lançamento no Brasil

Onde Comprar

“O livro é uma cortesia da Editora Novo Conceito. A resenha realizada aponta os pontos positivos e\ou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.”