Entrega – J.C. Reed – #Resenha

Home/Livros/Resenhas/Entrega – J.C. Reed – #Resenha

Sinopse: Existem amores indecifráveis, que não enxergam distâncias, desafiam o tempo, fazem com que qualquer obstáculo seja superado e dispensam justificativas ou explicações. Brooke Stewart pode dizer que já viveu uma verdadeira montanha-russa de sentimentos desde que conheceu Jett, o homem mais envolvente e arriscado de sua vida. Como agente imobiliária workaholic em Nova York, ela não havia conhecido o amor até cruzar com os olhos verdes que lhe tiraram o bom senso: alto, sexy e arrogante, Jett era tudo aquilo do qual ela havia jurado ficar longe.

Jett Mayfield sabe que finalmente encontrou alguém capaz de envolvê-lo e desafiá-lo no momento em que coloca os olhos em Brooke, e não mede esforços para mantê-la em sua vida… E em sua cama. O futuro parece maravilhoso, mas quando o passado começa a persegui-los é preciso fazer escolhas difíceis. Salvar a quem se ama significa se despir de limites. No terceiro livro da série que conquistou o mundo, você perderá o sono até chegar à última página. O amor de Brooke e Jett passará por um novo teste: será ele forte o suficiente para superar essa prova definitiva?

Ficha Técnica

Entrega - J.C. Reed - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Titulo Nacional: Entrega – Skoob

Titulo Original: Treasure your love – Goodreads

Autor(es): J.C. Reed

Tradução: Júlio Andrade Filho

Editora: Única

Ano: 2014

ISBN: 978-85-67028-49-1

Série: Devoção

Volume: 03

Número de páginas: 286

Sobre a Autora

Entrega - J.C. Reed - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

J.C. Reed é autora de diversos best-sellers e escreve seus romances contemporâneos sempre privilegiando o lado sexy e misterioso de seus personagens. Quando ela não está escrevendo, ela cuida dos dois filhos e conversa com seus fãs no Facebook. A trilogia Sr. Estranho foi destaque no New York Times, no Wall Street Journal e no USA Today.

Opinião da Nathy

Sabe aquele livro que já imagina que não será uma boa leitura, mas ainda assim você lê porque tem esperança de que poderá ser bom? Foi exatamente isso que aconteceu comigo em relação a esse livro. Porém, se já tinha achado que os dois primeiros volumes não tinham sido bem trabalhados pela autora esse último foi ainda pior. Ela tentou juntar vários livros com temáticas diferentes em um único livro. Tornando a história confusa e sem nexo. Os personagens são contraditórios e se colocam na linha de risco em qualquer momento sem nem se importar. Tudo porque acreditam na força do amor deles. O final da trilogia acabou sendo muito mais fraco e as explicações foram muito vazias.

No último volume da trilogia Brooke e Jett estão vivendo o melhor momento de sua relação. Com um bebê a caminho não querem nada além do que ficar um ao lado do outro. No entanto, a ameaça que paira sobre a cabeça da Brooke não foi dissipada. Os membros do clube estão querendo tudo que tenha alguma ligação com eles e farão o que estiver em seu poder para conseguir. Até mesmo se isso significa joga Brooke aos lobos. Mas, assim como eles estão arriscando tudo para conseguirem o que desejam Jett fará o que estiver em seu poder para manter a mulher que ama e seu filho em segurança. Sem se importar com as consequências, mesmo que não sejam boas para o seu lado.

A narrativa continua sendo feita em primeira pessoa pela a Brooke, talvez por isso também não tenha gostado tanto do livro. Os pensamentos e comportamentos dela simplesmente me tiram do sério. Apenas em um capítulo a narrativa fica por conta do Jett. Teria sido melhor se todo o livro intercalasse com os dois. Ou então nem colocasse esse capítulo na visão do Jett porque não fez muita diferença para a história em si. O lado bom é que a leitura flui de uma maneira rápida, muito mais rápida do que os volumes anteriores.

É surpresa. Sempre é.

Estou para ver uma personagem mais contraditória. A Brooke se acha a pessoa mais corajosa de todas, mas no fundo toma as piores decisões. Fiquei com muita raiva dela. Pelo seu comportamento parece mais uma adolescente impulsiva. Eu acho que o momento em que me deu mais raiva foi quando afirmou ao Jett que sempre lutaria por eles e nunca desistiria, sendo que já tinha mostrado antes que por qualquer motivo estaria disposta a sair do seu lado. Uma personagem muito fraca que não tem força para lutar pelo homem que ama mesmo diante de todas as dificuldades. Sem contar que quando deve ficar quieta e esperar começa a fazer os piores planos. Não sei o que passa na mente dela, mesmo que relatasse tudo. Porque a cada parágrafo já mudava de ideia.

O Jett poderia salvar a pátria sendo aquele homem de deixar as mulheres babando. Mas, na verdade era a pessoa mais perdida de todas na história. Todos armavam as situações e somente quando já estava preso na armadilha e que tentava arrumar uma solução. Nem mesmo o seu infinito desejo pela a Brooke e querer fazer sexo com ela em todos os pontos foram o suficientes. Porque as cenas nem foram tão bem trabalhadas. O casal não parecia estar em uma boa sintonia e acabou estragando tudo. Eu acho que a autora tentou fazer a junção de um Christian Grey com algum bad boy, mas acabou não atingindo o objetivo desejado.

Ele me permitiu acreditar que nosso amor nunca desaparecia.

Os problemas que envolviam o clube de elite não foram tão trabalhados também. Afinal estavam querendo proteger seu segredo e com isso iam até as últimas consequências. Mas, o desfecho não foi surpreendente porque a autora joga as pistas desde o começo. Apenas Brooke fica sem saber o que aquilo tudo quer dizer. Não gostei do desfecho dos personagens envolvidos porque acabou simples demais. Sempre tenho em mente que se a pessoa fez tanta maldade assim deveria pagar de uma forma mais dura. Fiquei esperando o momento em que Danny ia sofrer muito. Uma coisa é certa ela conseguiu desenvolver personagens muito nojentos.

Quem também aparece é os amigos dos dois Sylvia e Kenny. No livro anterior tinha gostado muito desses dois porque trouxeram uma leveza ao livro. Mas, suas participações nesse foram muito limitas e nem tão divertidas. A Sylvia está se deixando levar por esse novo amor, do mesmo modo que Kenny está tentando acertar as coisas em sua vida. Não foi desenvolvido o relacionamento dos dois, muito menos quais decisões estariam tomando. Uma vez que tudo ficou apenas jogado para o leitor.

Estava tentando lhe mostrar isso, mas você estava muito ocupado mastigando.

Eu tive alguns problemas com essa trilogia, mas isso não quer dizer que possa vir ter também. Afinal foi uma trilogia que fez muito sucesso no exterior. Mas, esse é o tipo de livro que divide as opiniões.

Quote Favorito

Entrega - J.C. Reed - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

As capas dessa trilogia são muito bonitas. O casal na parte superior bem mais claro quase se beijando. O nome do livro em azul tendo um destaque maior. Os elementos que mais gosto em capas está presente. Eu acho que quando tem um casal presente chama muito mais atenção. Melhor de tudo é que manteve o padrão da editora. A diagramação também manteve o padrão. As páginas são amarelas e grossas. Cada capítulo inicia em uma nova página e no começo do paragrafo está grifado em preto. Não tive problemas com a tradução/digitalização.

Entrega - J.C. Reed - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Nota da Nathy

Entrega - J.C. Reed - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMEntrega - J.C. Reed - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMEntrega - J.C. Reed - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMEntrega - J.C. Reed - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMEntrega - J.C. Reed - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Datas de Lançamentos

  • Devoção – Lançado em  2013 – Resenha
  • Conquista – Lançado em 2014 – Resenha
  • Treasure Your Love – Lançado em 2014

Onde Comprar

“O livro é uma cortesia da Editora Única. A resenha realizada aponta os pontos positivos e\ou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.”
By | 2017-01-06T14:44:48+00:00 02/02/2015|Categories: Livros, Resenhas|Tags: , , , , , |0 Comments

About the Author:

Nathalia Garcia - A Nathy! Tem 26 anos e é formada em Psicologia. Seu maior vício são os livros, ela sempre está se arriscando em um novo desafio literário. Romances policiais são os seus favoritos. Nos últimos anos também se tornou uma apaixonada por séries. Once Upon a Time e Criminal Minds são algumas das suas séries prediletas.

Os comentários são previamente moderados, mas eles são muito importantes para nós! Então comentem! =)