E o segundo episódio desta temporada, também foi muito bom! Além do desenvolvimento das tramas principais, em Perfect Family (6×02), vimos no caso dessa semana, o abuso psicológico que muitas mulheres sofrem. Espero que os episódios continuem assim.

Continue lendo lembrando que o post tem spoilers para quem não viu o episódio ainda.

Na review de Open Windows (6X01), comentei que estava vendo mais da Missy na personalidade da Andy. Mas, assistindo este episódio e vendo a promo do próximo, acredito que na verdade estamos vendo mais de uma causa compartilhada. Num momento, onde o feminismo está ganhando força, vejo pontos importantes sendo abordados não apenas por Tassie, em Rookie Blue, mas também por outras criadoras/produtoras – como Shonda Rhimes e Tina Fey – em suas séries.

Em Perfect Family, o desaparecimento de uma criança, leva a abordagem do tema acima citado. A família considerada “tradicional” é composta por um casal de homem e mulher e seus dois filhos, onde o homem se porta como o macho predominante e a mulher é totalmente submissa a ele. Ok, Mari, mas porque tanto foco nisso?! Quero saber mesmo é de #McSwarek. Calma, eu te entendo, também quero comentar sobre os dois, mas antes preciso falar sobre o caso, pois para mim foi um dos pontos altos deste episódio. Enfim, a criança na verdade não estava desaparecida. Ela havia fugido de casa com seu namorado, por não suportar mais a censura de seu pai.

Rookie Blue - 6X02: Perfect Family - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Porém, essa censura não era apenas com a criança, o mesmo ocorria com a mãe. Com a desculpa de querer uma família convencional, o homem abusava de ambas psicologicamente e criava seu filho em um ambiente totalmente machista. Ver esse tipo de situação, me deixa indignada e compadecida da mulher. O fato dela querer uma família “tradicional” ou até mesmo ser submissa a seu marido não é bem o problema, se ela assim desejar. Mas, neste caso (como na maioria da vezes), ela não queria viver daquela maneira. Apenas tinha medo de não conseguir seguir em frente sozinha, consequência do abuso sofrido por tantos anos.

– I’ll be homeless, and he’ll end up with the kids. It’s just what he said would happen if I ever left him.
– He’s lying. He’s preying on your fears so you won’t leave him.

Com a ajuda dos policiais da 15º division, a mulher acabou se dando conta da responsabilidade que tinha, não apenas com ela mesma, mas também com seus filhos. E criou coragem para denunciar o marido, que acabou por si só tendo atitudes que o colocaram atrás das grades. O único ponto dessa parte da trama, que não gostei foi o fato de colocarem as atitudes dele como uma desculpa religiosa. Sim, há muitos homens que se escondem através da religião, mas também há muitos homens com esse tipo de atitude que passam longe de ter qualquer tipo fé e nem sempre são retratados.

Enfim, com o tema da família perfeita e a conclusão do caso, vamos voltar a falar de McSwarek. Pois, como eu esperava a chegada do bebê de Marlo passou longe de separar o casal. Andy pensou muito e conversou muito com Traci durante o episódio, para enfim entender que mesmo sem saber como lidar com tudo, seu lugar era ao lado do Sam. Não preciso nem dizer que amei, certo?! Errado! Eu preciso sim dizer! Eu amei a cena, não apenas pelo casal continuar junto, mas pelo amadurecimento nítido da relação dos dois. Em outros tempos, por muito menos os dois não estariam juntos.

Rookie Blue - 6X02: Perfect Family - #Review | OBLOGDAMARI.COM

A review está ficando grande, me desculpem, me empolguei com o tema inicial. Mas, preciso comentar sobre o caso à parte que tem sido o Diaz. Quem acompanha as minhas reviews sabe o quanto estou insatisfeita com o personagem, motivo pelo qual não tenho escrito muito sobre ele, mas nesse episódio acho que ele merece mais do que algumas linhas de frustração. Sim, Diaz está uma bagunça! O rapaz vivia da forma mais correta possível, se ferrou por conta disso e decidiu jogar tudo para o alto, se envolveu com drogas e agora está saindo a mulher do chefe. Então, você imagina que agora ele não está nem aí para nada, que vai tocar o terror. Mas, na primeira oportunidade de ser desleal, ele recusa tudo e mostra que continua sendo o velho Diaz de sempre. E eu me pergunto, o que faço com ele, amo ou odeio?! Juro que não sei, só espero que essa situação seja resolvida logo, pois é uma das únicas tramas que não estou tão empolgada.

Rookie Blue - 6X02: Perfect Family - #Review | OBLOGDAMARI.COM

Comentários Rápidos

  • Gente como a barriga da Marlo cresceu! Curtindo muito a relação que está sendo desenvolvida entre ela e Dov. Só espero que isso não faça com que ele deixa a série no final da temporada para ir trabalhar na Inteligência.
  • Por sinal, será que a Ward também é da Inteligência? Porque, continuo achando que ela está trabalhando disfarçada para investigar o caso da bomba/corrupção no departamento.
  • Falando em Ward, quando é que ela e Nick voltam a se pegar? Apostas? Será que no próximo episódio rola ao menos um beijo?!
  • Promo do próximo episódio: Uprising
  • Trilha sonora da série:  1ª Temporada | 2ª Temporada | 3ª Temporada | 4ª Temporada | 5ª Temporada | 6ª Temporada
  • Também é fã do casal Sam e Andy, então conheça o grupo Rookie Blue Brasil – Sam & Andy.
  • Outros grupos da série: Rookies SA e Rookie Blue Brasil.