Sinopse: Ellie fica horrorizada ao descobrir que a companhia farmacêutica em que trabalha está fazendo experimentos ilegais. Cientistas da empresa têm fundido DNA humano com DNA animal, criando novas espécies exóticas. Um “experimento” captura o coração dela e ela vai fazer de tudo para salvá-lo, mesmo que ele a odeie por isso.

Fury nunca conheceu compaixão ou amor. Ele passou sua vida em uma cela, acorrentado e abusado por seres humanos. A única mulher que se permitiu confiar o traiu. Agora ele está livre e fixado em vingança. Ele promete acabar com sua vida, mas quando ela finalmente está em suas mãos, prejudicá-la é a última coisa que ele quer fazer com esta pequena humana. Fury não pode resistir a Ellie – o toque de suas mãos, a boca em sua pele, em volta do seu corpo. Ele está obcecado com o cheiro de sua mulher. E Ellie quer Fury, sempre quis. Ela anseia por seu corpo grande e poderoso e quer curar o seu coração. Mas estar desoladamente apaixonada por Fury é uma coisa…domesticá-lo é outra.

Ficha Técnica

Fury - Laurann Dohner - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Titulo Nacional: Fury – Skoob

Titulo Original: Fury – Goodreads

Autor(es): Laurann Dohner

Tradução: Flora Manzione

Editora: Universo dos Livros

Ano: 2015

ISBN: 978- 85-7930-778-2

Série: Fury

Volume: 01

Número de páginas: 366

Sobre a Autora

Fury - Laurann Dohner - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMLaurann Dohnner é em tempo integral supervisora da casa (acha que essa palavra é melhor do que simples dona de casa). Conheceu o homem dos seus sonhos há vinte anos, tem um casamento feliz e quatro filhos. Vive atualmente no sul da Califórnia e não funciona sem café gelado. É uma grande fã de livros, acredita em romance e sempre foi sonhadora. Escreveu poesia na sua adolescência e logo começou com histórias curtas. Seu primeiro livro foi escrito quando leu um livro que a irritou demais com personagens horríveis e a trama foi se desgastando, então pensou ‘Eu poderia fazer melhor’. Escreveu seu primeiro romance Sci-Fi em 2009 e conseguiu publicar pela Elloras.

Opinião da Nathy

Essa é a segunda vez que li o livro. E resolvi fazer isso porque queria ver se teria os mesmos sentimentos. E surpreendentemente algumas coisas mudaram em minha visão. Meu amor pelo livro e por essa série apenas aumenta. Mas, pontos que não havia percebido na primeira vez agora não passou despercebido. Estava com muitas saudades de ler algo da autora. Esse é o tipo de livro que quando começa a ler não consegue mais parar. E quando termina já sente vontade de ler novamente. Isso não ocorre somente com esse livro, mas com todos da autora.

Nesse primeiro volume o leitor conhece Fury. Um Nova Espécie que passou sua vida inteira preso em uma jaula. Ele não conhece o sabor da liberdade, do amor e da compaixão. Ele apenas conhece dor e por isso não consegue confiar em ninguém. Ainda mais quando se sentiu traído pela a única pessoa que se permitiu confiar. Ellie trabalha nas Indústrias Mercile infiltrada. Está juntando todas as provas que puder para encerrar esse programa. Mas, para isso teve que ultrapassar alguns limites. Inclusive prejudicando um pouco Fury. Quando os dois se reencontram depois de algum tempo fica difícil controlar a paixão que sentem. Mas, Fury quer se vingar por tudo que Ellie o fez passar. Sem contar que as Indústrias Merciles estão atrás de todos Novas Espécies dispostos ao que for necessário para não acabar com seus experimentos.

A narrativa é feita em terceira pessoa. Em alguns momentos o foco fica inteiramente em Ellie e em outros no Fury. Assim o leitor não é deixado de fora dos sentimentos de cada um deles. Apenas não tem o foco dos vilões que nem é necessário. O modo de escrita da autora é viciante. Conforme, vai lendo as páginas mais quer saber o que irá ocorrer com o casal. E também com a história.

Aquilo a depremia toda vez que ela se ergueirava para dentro da sala de observação, mas não conseguia se manter longe.

O Fury é todo macho Alpha e não apenas por causa do seu DNA. Ele fica em cima de Ellie querendo entender os sentimentos que tem por ela. Porque não sente apenas raiva dela. Na primeira vez eu amei o jeito dele. Todo protetor e querendo manter Ellie longe de todo perigo. Nessa segunda versão eu cheguei a ficar um pouco irritada com ele. Sim, porque não tinha necessidade de agir de uma forma tão protetora. Teve momentos que ele chegava ao extremo. Mas, depois eu entendia porque estava agindo de tal forma e voltava a gostar dele. Ele não é meu favorito dos Novas Espécies. Mas, foi o que me fez gostar da série. Porque se ele não fosse encantador não iria continuar com os outros livros.

A Ellie é uma mulher muito forte e determinada. Ela faz aquilo que acha certo e não se importa com quem irá ficar em seu caminho. Ela é a favor dos Novas Espécies e faz tudo ao seu alcance para ajudá-los. Inclusive quando acreditam já estar seguros. Porém, não sei o que acontece quando elas se apaixonam parece que algo muda. Ficam completamente cegas e fazem tudo para agradar o mocinho. Não queria que ela se anulasse de nenhuma forma. Ainda mais porque já tinha passado por um casamento péssimo. Eu gosto dela e eu acho que foi o par perfeito para o Fury. Consegue fazer com que ele não fique todo protetor em alguns momentos.

O romance entre os dois é bem rápido. Se você gosta dos livros da Bella Andre irá apreciar esses também. Sim, eles se apaixonam loucamente. E pegam muito fogo juntos. O Fury tem algumas peculiaridades que não estava esperando. Gostei de como o romance foi colocado acima de tudo. Eles aprenderam como ter um ótimo relacionamento. Ele até aprendeu mais sobre os costumes dos humanos para poder fazer sua Ellie mais feliz. Eu adoro esses dois juntos.

Eu amo simplesmente tudo sobre você.

No primeiro livro também é introduzido os próximos Novas Espécies. O Slade é a coisa mais engraçada de todas. Ele é todo sarcástico assim como o Tiger. Eles brincam com a situação do Fury e juram que não querer passar pela a mesma experiência. O que faz você desejar que eles conheçam logo as pessoas certas em sua vida. Porque quando eles dois caem de amores se tornam duas vezes piores do que o Fury. Gosto quando os personagens trazem uma leveza ao livro e eles fizeram isso em diversos momentos.

O leitor também conhece Justice o líder dos Novas Espécies. E até o momento o meu favorito. Quando o conheci já morri de amores. Porque estava louco querendo uma companheira. Vive para o trabalho e ajudar a libertar mais e mais dos seus amigos. Então quando finalmente consegue encontrar alguém que o coloca nos eixos é perfeito.

Justice está ficando sentimental e quer uma mulher para ele.

Se não ficou claro na resenha eu indico muito esse livro e essa série. Mas, apenas se gosta de um bom romance com algumas cenas mais quentes essa é a pedida para você. Uma série no estilo de Bella Andre, porém em minha opinião melhores.

Quote Favorito

Fury - Laurann Dohner - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

Eu amei a capa que a editora colocou no livro. Muito mais do que a original. A metade do homem aparecendo. O nome do livro em destaque. Esse fogo em azul. Tudo ficou muito bonito e combinando. O nome da autora tem um destaque, mas não apaga o nome do livro. Espero somente que a editora mantenha esse padrão em todas as capas e que não mudem no meio do caminho.

Fury - Laurann Dohner - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

A diagramação é simples. Cada capítulo inicia em uma nova página. O número do capítulo está na mesma fonte que o nome do livro. Tem também uma marcação quando muda de cena dentro do capítulo. As páginas são amarelas e grossas. Não tive problemas com a digitalização/tradução.

Datas de Lançamento

  • Fury – Novas Espécies #1 – Lançado em 2015
  • Slade – Novas Espécies #2 – Lançado em 2015
  • Valiant – Novas Espécies #3 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Justice – Novas Espécies #4 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Brawn – Novas Espécies #5 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Wrath – Novas Espécies #6 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Tiger – Novas Espécies #7 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Obsidian – Novas Espécies #8 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Shadow – Novas Espécies #9 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Moon – Novas Espécies #10 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • True – Novas Espécies #11 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Darkness – Novas Espécies #12 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Smiley – Novas Espécies #13 – Não tem previsão de lançamento no Brasil
  • Numbers – Novas Espécies #14 – Não tem previsão de lançamento no Brasil

Nota da Nathy

Fury - Laurann Dohner - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMFury - Laurann Dohner - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMFury - Laurann Dohner - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMFury - Laurann Dohner - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMFury - Laurann Dohner - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Onde Comprar

“O livro é uma cortesia da Editora Universo dos Livros. A resenha realizada aponta os pontos positivos e\ou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.”