Sinopse: Terceiro e último volume da trilogia Mara Dyer. A série mescla paranormalidade, conspiração e romance para contar a história de uma adolescente com poderes especiais. Elogiada pelas autoras das séries Divergente e Instrumentos Mortais, Michelle Hodkin cria aqui uma trama surpreendente, onde nada é o que parece. Depois de descobrir que consegue matar apenas com o pensamento, assim como seu namorado é capaz de curar com a mesma facilidade, Mara Dyer é capturada por uma inescrupulosa médica, que a faz passar por uma série de testes e experimentos. Mas Mara não está sozinha. Outros jovens com poderes igualmente extraordinários são usados como cobaia. Com a ajuda deles, e de um velho inimigo, ela consegue fugir e parte em busca de vingança. Primeiro Capítulo.

Ficha Técnica

A Vingança de Mara Dyer - Michelle Hodkin - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo Nacional: A Vingança de Mara Dyer – Skoob

Titulo Original: The Retribution of Mara Dyer – Goodreads

Autora: Michelle Hodkin

Tradução: Glenda D’Oliveirs

Editora: Galera Record

Ano: 2015

ISBN: 978-85-01-10464-9

Trilogia: Mara Dyer

Volume: 03

Número de páginas: 375

Sobre a Autora

A Vingança de Mara Dyer - Michelle Hodkin - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Michelle Hodkin cresceu na Flórida, fez faculdade em Nova York e estudou direito em Michigan. Quando não está escrevendo, pode ser encontrada retirando objetos estranhos de dentro da boca de um de seus três animais de estimação. Este é o primeiro romance de Michelle.

Opinião da Nathy

Eu tenho um sério problema com esses livros desde o primeiro. Mas, nunca consegui largar a leitura. Meu problema com o livro triplicou. Ainda mais quando a autora ficou usando justificativas na psicanálise. Nada contra, porém não é abordagem na psicologia que sigo. Então tive problemas ao entender suas justificativas. Que ao meu ver não foram assim tão bem trabalhadas. O último livro poderia ter sido melhor. No entanto, teve um final satisfatório. Continuo achando que a Mara era completamente doida e estava alucinando desde o começo. Nesse último volume não via o momento em que iria finalizar. E talvez assim entender tudo o que passava na mente dela.

No último volume Mara Dyer está presa em uma ilha. Após acordar suas alucinações parecem estar piorando. Juntamente com tudo de ruim que poderia lhe acontecer está sendo feita de cobaia nas mãos da Dra Kells. Um certo dia quando desperta vê diante de si um dos ajudantes morto e com uma mensagem. Agora conseguindo a sua fuga junto com Stella e Jamie tudo o que ela quer é encontrar Noah. Não importando o que terá que enfrentar quer ficar ao lado do menino que ama. No entanto, as consequências podem ser mais graves do que ela imaginava. Podendo ser aquela a destruir tudo que mais ama.

A narrativa continua sendo em primeira pessoa. Mara Dyer continua relatando cada um de seus passos. Assim como de suas alucinações. Por isso que eu não conseguia acreditar em nada do que estava falando. Em um determinado ponto a narrativa muda de foco e outra pessoa passa a narrar os fatos. Mas, não irei contar nada porque senão será um spoiler. Gosto do modo de escrita da autora porque apesar dos muitos capítulos ela consegue escrever de uma forma bem dinâmica.

Até ali, não sabia ao certo se estava desperta ou tendo uma alucinação.

Como disse antes não fiquei convencida sobre o motivo do que estava acontecendo com Mara. Nesse livro ela parece viver em outro mundo, enquanto tenta encontrar o Noah. Nada mais importa a não ser encontrar o menino. Assim como a verdade sobre o porquê estava acontecendo isso com eles. No começo da trilogia gostava muito da Mara. No segundo já estava ficando com o pé atrás. Nesse eu já não estava sentindo mais nada por ela. Continua tendo uma personalidade forte ao mesmo tempo em que é frágil. Até esse momento sinto um vazio em relação a ela. Tinha tanto potencial e acabou sendo apagada de algum jeito. Parecia mais uma menina indefesa.

Nos outros livros eu tinha o Noah para ajudar na leitura. Nesse ele não aparece e muito menos é explicado o que lhe aconteceu. Pelo menos durante boa parte da leitura. Quando é relatado o que houve com o menino eu fiquei com o coração apertado. De como as pessoas podem ser manipulativas. O Noah continua tendo a personalidade fofa e apaixonante. Eu ainda moro de amores por ele. Gosto de sua coragem. No entanto, em alguns momentos ele não pensa nas suas ações. Mesmo que isso coloque em risco a sua vida. Não dava o mínimo valor nela. Algo que é tão precioso por ele é vista como algo a perder.

Mas sou o que sou. E ele ama.

Finalmente o leitor conhece um pouco mais sobre o pai do Noah. E na verdade não era algo que eu estava muito interessada. Eu gostei da forma como a autora lidou com sua história. E de onde vem toda a sua raiva pelo Noah. Aquele homem misterioso e forte. Tornou-se apenas mais um personagem desprezível e dispensável. Não me importava se ele não tivesse aparecido nesse último volume. Assim como de outros personagens secundários.

Como no caso de Jude e de Stella. Dois personagens que não estava acrescentando em nada na história. Jude sendo mais um covarde do que tudo. A Stella a menina que olha para a Mara e a julga de todas as formas. Ela não estava o lado da amiga. Estava apenas querendo encontrar uma solução para o seu problema. Não importando o quanto estava prejudicando as pessoas ao seu redor. Teve uma falha muito grande. Poderia ter sido muito mais corajosa e ficado ao lado de seus amigos em todos os momentos.

Mesmo quando estendo a mão para pegar a arma.

Agora como não morrer de amores pelo Jamie. Desde sempre ao lado da Mara e sendo seu fiel amigo. As piadas dos dois era o que descontraia o clima tão pesado. Teve um momento de fragilidade. Mas, ao meu ver ele é o personagem mais importante de todos. Foi quem ajudou todo mundo em se safar de diversas situações. A Mara não fazia praticamente nada além de ficar alucinando. Enquanto, o Jamie agia e conseguia as respostas necessárias. Poderia ter tido mais alguém ao seu lado para completar o quadro. Ainda assim fiquei bem satisfeita com o seu final.

Do mesmo jeito que eu fiquei satisfeita com os flashbacks sobre o destino da avó da Mara Dyer. Tudo o que ocorre com a menina foi explicado através dela. Foram momentos muito importantes no livro. Ainda que em alguns deles fosse bem cansativo. Não me convenceu, mas fiquei satisfeita com o rumo de tudo. O amor que a avó dela sentia por ela era muito bonito. Assim como a sua preocupação.

Estou com o que você quer.

Quem gosta de livros com temáticas bem fora da caixa irá gostar muito dessa trilogia. Eu fiquei um pouco decepcionada. Estava esperando muito mais. No entanto, no geral foi uma boa trilogia. O romance também é muito bem trabalhado. Para quem gosta é uma boa pedida.

Quote Favorito

A Vingança de Mara Dyer - Michelle Hodkin - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

As capas dessa trilogia são lindas. Eu adoro o fato da editora tem se mantido no padrão em todos os volumes. Essa última com a Mara e o Noah abraçados e no fundo é ainda mais linda. Gosto dos tons sombrios e melancólicos. A única coisa que me incomoda em todos os volumes é o nome do livro ser bem em cima da imagem do casal. Dessa forma, chama atenção. Ao mesmo temo em que não fica muito bonita.

A Vingança de Mara Dyer - Michelle Hodkin - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

A diagramação é simples. Cada capítulo inicia em uma nova página. Não tem marcações nas mudanças de cenas dentro dos mesmos capítulos. As páginas são amarelas e grossas. Em algumas partes tem erros de digitalização. Porém, eu logo conseguia entender e passar por cima desses detalhes. Mesmo porque o que ocorre em cada um dos capítulos acaba por passar desapercebido.

Nota da Nathy

A Vingança de Mara Dyer - Michelle Hodkin - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM A Vingança de Mara Dyer - Michelle Hodkin - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM A Vingança de Mara Dyer - Michelle Hodkin - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM A Vingança de Mara Dyer - Michelle Hodkin - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM A Vingança de Mara Dyer - Michelle Hodkin - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Datas de Lançamentos

  • A Desconstrução de Mara Dyer – Mara Dyer #1 – Lançado em  2013 – Resenha
  • A Evolução de Mara Dyer – Mara Dyer #2 – Lançado em 2014 – Resenha
  • A Vingnça de Mara Dyer – Mara Dyer #3 – Lançado em 2015

Onde Comprar

“O livro é uma cortesia da Editora Galera Record. A resenha realizada aponta os pontos positivos e\ou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.”