Sinopse: Liis Lindy é uma agente do FBI decidida a se casar apenas com o trabalho. Ela adora sua mesa, está em um relacionamento sério com seu laptop e sonha em ser cumprimentada pelo diretor depois de solucionar um caso difícil. O agente especial Thomas Maddox é arrogante e implacável, um dos melhores que o FBI tem a oferecer — e chefe de Liis. Quando Liis e Thomas são encarregados de uma missão em que precisam fingir ser um casal, a atração entre eles chega ao limite — e os leva a questionar quanto realmente estavam fingindo.

Bela redenção é o segundo volume da série que narra a excitante, romântica e por vezes volátil jornada dos Maddox rumo ao amor. Chegou a hora de conhecer o mundo misterioso do esquivo Thomas e descobrir como a paixão pode ser intensa quando você não é a primeira, e sim a última. Além, é claro, de rever os outros irmãos da família Maddox.

Ficha Técnica

Bela Redenção - Jamie McGuire - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo Nacional: Bela Redenção  – Skoob

Titulo Original: Beautiful Redemption – Goodreads

Autora: Jamie McGuire

Tradução: Cláudia Mello Belhassof

Editora: Verus Editora (Grupo Editorial Record)

Ano: 2015

ISBN: 978-85-7686-441-7

Coleção: Irmãos Maddox | Volume: 2

Número de páginas: 308

Sobre a Autora

Bela Redenção - Jamie McGuire - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Além de Belo Desastre e Desastre Iminente, ambos sucessos absolutos no mundo inteiro, Jamie McGuire escreveu a série Providence. Ela vive em Enid, Oklahoma, nos Estados Unidos, com três filhos e o marido, um verdadeiro caubói. Eles dividem suas terras com quatro cavalos, quatro cachorros e um gato.

Opinião da Mari

Para tudo e vem surtar comigo, pois a resenha de hoje é de mais um Maddox! Finalmente vamos conhecer o Thomas! E não sei você, mas depois do final de Bela Distração, conhecer o Thomas estava sem dúvidas na minha lista de desejos! Ah, você não leu Bela Distração ainda?! Então para tudo e vai ler o livro. Aproveita para ler também Belo Desastre, Desastre Iminente e Belo Casamento se não os leu ainda. Tem resenha de todos eles aqui no blog. E eles são essenciais para a leitura de Bela Redenção e para evitar os spoilers desta resenha. Há muitas referências aos livros anteriores então não dá para deixar de falar sobre eles!

Em Bela Distração, a história é contada de forma paralela a lida na trilogia Beautiful. Já em Bela Redenção os acontecimentos são pós Bela Distração, mas antes de todos dos epílogos vistos. Calma, para não ficar confuso para vocês (porque explicando assim ficou confuso para mim, rs), neste livro o incêndio já aconteceu, a Cami já está com o Trent, mas o Travis ainda não está trabalhando no FBI. Agora que você já se localizou, preciso dizer que Jamie está criando este “universo” todo com muita maestria. Não há furos na história, tudo se encaixa e se complementa de forma perfeita. Um dos motivos que amo a série e fico em surtos pelo próximo livro. A narrativa é realizada por Liis Lindy, a protagonista, em primeira pessoa assim como nos livros anteriores. Ela continua sendo muito fluída e envolvente, do tipo que você começa e não quer mais parar.

– Você pode amar alguém sem querer estar com essa pessoa. Assim como você pode querer estar com uma pessoa antes de amá-la.

O livro tem duas tramas principais, o início da investigação vista no epilogo de Desastre Iminente, envolvendo Benny e suas inúmeras atividades ilegais, Mick Abernathy e um dos agentes do FBI. E o romance entre Liis Lindy e Thomas Maddox e todas as consequências de não ser o primeiro amor de um Maddox. No primeiro caso fiquei bem envolvida com a história por já conhecer todos os personagens, um dos pontos altos para mim foi o recrutamento de Travis, tenso e intenso exatamente como o personagem. A investigação envolvendo o agente do FBI me deixou bem curiosa, mas mesmo estando tudo interligado, achei que o caso do Benny e Mick deixaram um pouco a desejar. Ela não foi uma investigação rápida, durou anos para que o caso fosse concluído, mas isso não é mostrado em Bela Redenção. Não sei se Jamie vai abordar a história nos próximos livros, pois sinto como se mais um ciclo tivesse encerrado, mas gostaria de ter visto um salto no tempo, ou talvez dois. Esperava ver cenas do Travis aprendendo a ser um agente do FBI, o que não acontece. Também queria ter visto o desfecho do caso com mais detalhes e não apenas no epilogo do livro, como já havia acontecido anteriormente, cem páginas a mais acredito que teriam feito a diferença.

Quanto ao romance, a primeira pergunta que me fiz foi Como esses dois vão ficar juntos? Liis acabou de sair de um longo relacionamento com um agente da SWAT, para se dedicar a sua carreira, seu verdadeiro amor. Enquanto Thomas, acabou de ter seu coração partido por Cami! Nenhum dos dois estava à procura de um relacionamento! Eles não queriam se envolver com outra pessoa, mas obviamente não é isto o que acontece. A história entre eles tem muita química e basta um capítulo para isso ficar claro. Mas, também em diversos altos e baixos. Já que os dois não estão prontos para se jogar de cabeça nessa relação. Sofri durante a leitura, entendi o ponto de vista dos dois, mas ao mesmo tempo me vi exausta com tudo. Queria uma resolução rápida, mas fiquei muito desapontada com o clichê do desfecho. Sendo bem honesta, o livro é ótimo, mas sinto que rolou uma pressão comercial. Tenho a sensação que Jamie tinha um prazo a cumprir, então perto do final deste prazo encerrou o livro da forma que conseguiu.

– Por que me chamou aqui se não queria me ver? Você podia muito bem ter pedido para a Constance cuidar de tudo.
– Porque, de vez em quando, Liis, eu preciso apenas ver seu rosto. Preciso ouvir sua voz. Alguns dias são mais difíceis que outros para mim.

Apesar disso, o livro é tão gostoso de ler e não apenas por conta das tramas, da narrativa, dos protagonistas ou dos personagens já conhecidos. Val, Sawyer e Marks os coadjuvantes e demais agentes do FBI também têm segredos, que me deixaram bem intrigada. Então sim, mais uma vez me apaixonei por um Maddox e tive horas excelentes ao seu lado. Uma leitura sem dúvidas recomendada.

Quote Favorito

Bela Redenção - Jamie McGuire - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

Tem como as capas dos livros da Jamie McGuire ficarem mais bonitas? Sempre acho que não, então um novo livro dela é lançado e eu fico ainda mais encantada com o trabalho feito pela editora. Com Bela Redenção não foi diferente. Amo o fato dela seguir o padrão dos livros anteriores, amo as cores da asa escolhida. E a liberdade que ela representa. Apenas divina!

Bela Redenção - Jamie McGuire - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Quanto a diagramação do livro, não há novidades. Os capítulos iniciam em uma nova página, com os números centralizados no topo da página utilizando a mesma fonte dos livros anteriores. A fonte possui um bom tamanho e o texto tem boa tabulação. As páginas do livro são amarelas.

Nota da Mari

Bela Redenção - Jamie McGuire - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMBela Redenção - Jamie McGuire - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMBela Redenção - Jamie McGuire - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMBela Redenção - Jamie McGuire - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMBela Redenção - Jamie McGuire - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Datas de Lançamentos

  • Belo Desastre – Lançado em Agosto/2012 – Resenha | Beautiful #1
  • Desastre Iminente – Lançado em Setembro/2013 – Resenha | Beautiful #2
  • Belo Casamento – Lançado em maio/2014 – Resenha | Beautiful #3
  • Bela Distração – Lançado em 2014 – Resenha | Irmãos Maddox #1
  • Bela Redenção – Lançado em 2015 | Irmãos Maddox #2
  • Beautiful Sacrifice – Sem previsão de lançamento no Brasil | Irmãos Maddox #3
  • Beautiful Burn – Sem previsão de lançamento no Brasil | Irmãos Maddox #4

Onde Comprar

O livro é uma cortesia da Editora Verus. A resenha realizada aponta os pontos positivos e\ou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.