Um Beijo Inesquecível – Julia Quinn – #Resenha

Home/Livros/Resenhas/Um Beijo Inesquecível – Julia Quinn – #Resenha

Sinopse: Toda a alta sociedade concorda que não existe ninguém parecido com Hyacinth Bridgerton. Cruelmente inteligente e inesperadamente franca, ela já está em sua quarta temporada na vida social da elite, mas não consegue se impressionar com nenhum pretendente. Num recital, Hyacinth conhece o belo e atraente Gareth St. Clair, neto de sua amiga Lady Danbury. Para sua surpresa, apesar da fama de libertino, ele é capaz de manter uma conversa adequada com ela e, às vezes, até deixá-la sem fala e com um frio na barriga.

Porém Hyacinth resiste à sedução do famoso conquistador. Para ela, cada palavra pronunciada por Gareth é um desafio que deve ser respondido à altura. Por isso, quando ele aparece na casa de Lady Danbury com um misterioso diário da avó italiana, ela resolve traduzir o texto, que pode conter segredos decisivos para o futuro dele. Nessa tarefa, primeiro os dois se veem debatendo traduções, depois trocando confidências, até, por fim, quebrarem as regras sociais. E, ao passar o tempo juntos, eles vão descobrir que as respostas que buscam se encontram um no outro… e que não há nada de tão simples – e de tão complicado – quanto um beijo. Primeiro Capítulo.

Ficha Técnica

Um Beijo Inesquecível - Julia Quinn - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo Nacional: Um Beijo Inesquecível – Skoob

Titulo Original: It’s in his kiss – Goodreads

Autora: Julia Quinn

Tradução: Claudia Costa Guimaraes

Editora: Arqueiro

Ano: 2015

ISBN: 978-85-8041-485-1

Série: Os Bridgertons | Volume: 07

Número de páginas: 271

Sobre a Autora

Um Beijo Inesquecível - Julia Quinn - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Julia Quinn começou a trabalhar em seu primeiro romance um mês depois de terminar a faculdade e nunca mais parou de escrever. Seus livros já atingiram a marca de 8 milhões de exemplares vendidos, sendo 3,5 milhões da série Os Bridgertons.

É formada pelas universidades Harvard e Radcliffe. Seus livros já entraram na lista de mais vendidos do The New York Times e foram traduzidos para 26 idiomas. Foi a autora mais jovem a entrar para o Romance Writers of America’s Hall of Fame, a Galeria da Fama dos Escritores Românticos dos Estados Unidos, e atualmente mora com a família no Noroeste Pacífico.

Opinião da Nathy

Eu gosto muito dos livros dessa série. E parece que leio no momento certo. Quando já estou saturada de alguns estilos literários. Novamente gostei muito do livro. Os personagens foram bem agradáveis. Conseguia rir em diversos momentos. Porém, algumas partes eu achei desnecessária. E o final também foi de um jeito que fiquei com aquela cara de “esse foi o final?”. Espero que a autora continue com a história dos filhos deles. Porque assim pode esclarecer algumas dúvidas que me deixou. A história fluiu muito bem, ainda que o plot dele não me interessou tanto.

O sétimo livro da série conta a história de Hyacinth e Gareth St. Clair. Duas pessoas que não poderiam ter as personalidades mais parecidas. Ela não abaixa a cabeça diante de nenhuma situação. Sempre tem uma resposta pronta na ponta da língua. E acredita que esse é o motivo pela qual os homens não se interessam por ela. Já está em sua quarta temporada e os homens que lhe pediram em casamento são desinteressantes. Querem saber apenas do seu dinheiro e do status da família Bridgerton. Já Gareth tenta viver a sua vida da melhor forma possível. Evitando como pode seu pai. Os dois não se gostam. Quando se encontram trocam diversas ofensas. Ele apesar de se mostrar muito forte tem um lado vulnerável. Que tende a aparecer cada vez que está na presença de Hyacinth.

A narrativa é em terceira pessoa com o foco nos dois principais. Geralmente não gosto muito de histórico. Porque nada acontece e a escrita costuma ser bem cansativa. No entanto, a Julia consegue me prender em cada um de seus livros. Mesmo a história sendo parecida. Nesse eu achei que tudo fluiu ainda mais rápido. Nada de ficar enrolando para algo acontecer. Tanto que quanto mais eu lia mais estava querendo saber o que ia ocorrer.

Você até ficou sem fala. Eu mereço o elogio.

Mocinhas que são destemidas e não tem medo de falarem o que pensam são as minhas favoritas. Então já pode imaginar o quanto eu gostei da Hyacinth. E ao contrário de algumas mocinhas. Mesmo apaixonada ela não mudou seu jeito de ser. Não ficou depressiva ou chorando toda hora. Levantou a cabeça e seguiu em frente. Uma personalidade muito forte. Merecia mesmo alguém que estivesse a sua altura. Eu me divertia demais com as suas falas. E até mesmo quando ficava tímida diante de algum acontecimento. Todos nessa família parecem ter esse tipo de personalidade. Mas, na Hyacinth combinou perfeitamente. Estava na hora de se sobressair mais.

O que dizer do Gareth? Ele faz o estilo bad boy. Tem uma fama terrível em Londres. Ele nem se importa uma vez que o ajuda se livrar dos casamentos. Mas, no fundo é uma pessoa muito vulnerável. Tudo por conta de seu passado e de seu pai. Não conseguiu superar muitas coisas. Mesmo que diga que está bem e que não precisa de nada. O que eu gostei é que não deixava as pessoas pisarem nele. Mesmo tendo diversos problemas nunca se mostrou inferior. Quando queria alguma coisa lutava por ela até o final. Então se pode imaginar a luta entre ele e Hyancith.

O romance foi muito bem desenvolvido. Não aconteceu através do primeiro olhar. Mas, também não ficou enrolando. Devido a um diário os dois se aproximam bastante. E acabam por perceber que existe sentimentos mais fortes entre eles. Tudo o que Gareth faz é pensando no bem dela. E Hyancith por outro lado tenta mostrar seu amor ao libertá-lo de seu pai. As cenas de beijos entre eles são fofas demais. Não teve aquele fogo dos outros livros. O que eu achei até que legal. Mostrou um amor mais puro e sincero.

Adoro uma mulher que sabe quando implorar.

E o prêmio de personagem mais detestável irá para o pai dele. Um homem arrogante e prepotente. Pensa que pode mandar na vida das pessoas. Como se elas fossem apenas peças de seu jogo. Cada vez que esse homem aparecia tinha vontade de jogar o livro pela janela. De verdade ele fazia questão de machucar o Gareth com suas palavras. No final queria que tivesse sentido um pouco de dor.

Agora a vó dele é máximo. Nos outros livros já era muito engraçada. Nesse ela se superou. Ainda mais porque estava fazendo de tudo para juntar esses dois. A família dela também aparece bastante. Principalmente sua mãe. Proporcionando momentos divertidos e emocionantes. Quando elas conversam sobre o pai deles nossa foi muito lindo.

A Srta. Bridgerton é esperta demais para se deixar ser induzida, não é mesmo, Hyacinth?

Eu adoro essa família e acho que todo mundo deveria dar uma chance para eles. Claro que não é um estilo literário que agrada todo mundo. Mas, ainda assim é uma boa leitura para se arriscar. Apenas aconselho a ler na ordem por causa dos spoilers.

Quote Favorito

Um Beijo Inesquecível - Julia Quinn - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

Eu acho que todas as capas da série até o momento essa foi a que mais gostei. Sei que mantém o padrão das anteriores. Mas, os traços da menina me chamaram muita atenção. Ela passa uma força e vulnerabilidade muito grande. Tem cor e vida para a capa. Fiquei apaixonada. A casa embaixo também consegue um bom destaque. Coisa que não costumo reparar nas outras capas. Tudo ficou muito bonito.

Um Beijo Inesquecível - Julia Quinn - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

A diagramação é simples. No padrão dos livros anteriores. Os capítulos começam na mesma página. Isso é algo que me incomoda bastante. Prefiro quando está em uma página diferente. Não tive problemas com a tradução/digitalização.

Datas de Lançamentos

  • O Duque e Eu – Os Bridgerton #1 – Lançado em 2013
  • O Visconde que me Amava – Os Bridgerton #2 – Lançado em 2013
  • Um Perfeito Cavalheiro – Os Bridgerton #3 – Lançado em 2014
  • Os Segredos de Colin Bridgerton – Os Bridgerton #4 – Lançado em 2014 – Resenha
  • Para Sir Phillip, com Amor – Os Bridgerton #5 – Lançado em 2015 – Resenha
  • O Conde Enfeitiçado – Os Bridgerton #6 – Lançado em 2015 – Resenha
  • Um Beijo Inesquecível – Os Bridgerton #7 – Lançado em 2016
  • On the Way to the Wedding – Os Bridgerton #8 – Não há previsão de lançamento no Brasil

Nota da Nathy

Um Beijo Inesquecível - Julia Quinn - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMUm Beijo Inesquecível - Julia Quinn - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMUm Beijo Inesquecível - Julia Quinn - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMUm Beijo Inesquecível - Julia Quinn - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMUm Beijo Inesquecível - Julia Quinn - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Onde Comprar

O livro é uma cortesia da editora Arqueiro. A resenha realizada aponta os pontos positivos eou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.

About the Author:

Nathalia Garcia - A Nathy! Tem 26 anos e é formada em Psicologia. Seu maior vício são os livros, ela sempre está se arriscando em um novo desafio literário. Romances policiais são os seus favoritos. Nos últimos anos também se tornou uma apaixonada por séries. Once Upon a Time e Criminal Minds são algumas das suas séries prediletas.

Os comentários são previamente moderados, mas eles são muito importantes para nós! Então comentem! =)