Este mês a editora Arqueiro lança a duologia da Robin York, Profundo e Intenso. O livro aborda um tema muito importante vingança pornô (revenge porn), motivo por qual fomos convidadas junto a outros blogueiros a fazer uma blogagem coletiva falando sobre o assunto. Então vamos conversar um pouquinho?

“Caroline Piasecki vê sua vida se transformar em um pesadelo quando o ex-namorado espalha fotos dela nua na internet. De uma hora para outra, sua reputação é arruinada e o futuro promissor que a aguardaria após a faculdade já não parece tão garantido. Desesperada, ela tenta fazer com que as imagens sumam da rede e, ao mesmo tempo, procura se defender da multidão de pessoas que a julgam.”

“…procura se defender da multidão de pessoas que a julgam.” Ao pensar no tema, acredito que está seja uma das primeiras coisas que me vem à mente, a forma que a pessoa exposta é julgada. “Se ela não queria se expor não deveria ter tirado a foto“, “vadia” entre tantos outros comentários de uma sociedade machista. A verdade é que se você não tira um nude, não grava um vídeo realmente não tem como ele ser vazado. Porém, quem disse que fazer isto é algo errado?! Desde quando você é uma pessoa melhor ou pior por ter tirado uma foto nua ou gravado um vídeo com seu parceiro (a)? Justamente. O problema aqui não é o conteúdo criado e sim o fato dele ter sido compartilhado com terceiros sem consentimento.

No quinto episódio da segunda temporada da série The Newsroom, fotos intimas da Sloan Sabbath, personagem interpretada por Olivia Munn são divulgadas por seu ex-namorado. As cenas são de uma sensibilidade incrível e em minha opinião um dos melhores momentos da série.

– At some point, I’m gonna have to call my parents.
– Do you have to?
– My father keeps a scrapbook on me. He Googles me every morning.
– He’s gonna understand. He will.
– Not deep down. No one will. This is who I am now.
– What happened?
– You mean how did he– – Why did I pose?
– Was it a bad breakup? I didn’t even know you were going out with someone.
– He was a very well-respected analyst. We met at a Forbes party. No, I didn’t think it was a bad breakup. He wasn’t very upset about it. But even if it had been, like, this would be okay?
– No.
– What the fuck?
– I know.

#BlogagemColetiva: PROFUNDO e INTENSO, de Robin York | OBLOGDAMARI.COM

“Since she shares an office and Don is usually working, she feels his office is a good place to find solitude. In these scenes, I had a specific request of Tom Sadoski; I didn’t want him to touch me. A lot of times when men see women cry, they think they should touch or hug them and “rescue them.” I hate that. Sometimes when you’re sad or angry, you just want someone to be there to hear you, give you space and respect that the last thing you want is for someone to placate you…It was important to me that Sloan didn’t crumble or become manic or hyper. Sloan was victimized, but it doesn’t make her the victim. I wanted to show that Sloan may have taken a hit, but she didn’t get knocked down. As a woman, it’s important to me that Sloan knows how to take care of herself and doesn’t let someone else’s actions or opinions define who she is. Depoimento de Olivia Munn a respeito da fotos vazadas de sua personagem.

Não importa o motivo, divulgar fotos e/ou vídeos íntimos de terceiros não é algo legal! Não deve ser feito e a única pessoa que deveria ser considerada culpada na história é justamente a pessoa quem as divulgou. E quando digo pessoa, não me refiro ao parceiro em questão. Pois, algumas vezes, como aconteceu com Carolina Dieckman em 2011, a pessoa que divulgou as fotos não tinha relação alguma com elas.

Mas, Mari não é só mulher que sofre com isso, muitos homens também têm fotos e vídeos divulgados. Sim, isto é verdade, apesar do público feminino ser o foco principal, muitos homens também têm fotos e vídeos divulgados. Mas, vocês já repararam como nestes casos as reações são diferentes? As pessoas não atacam o homem, pelo contrário, muitas vezes o enaltecem. Querem ver um exemplo bem recente? Então reparem na diferença dos comentários entre a foto de Kim Kardashian e a do Liam Payne. Ambas as fotos foram publicadas de forma consensual e não chegam a ser nudes. Mas, já dá para ver a diferença né?

A photo posted by Liam Payne (@fakeliampayne) on

Enfim, para concluir, acho importante ressaltar que foi sancionada em 2012 a Lei Carolina Dieckman e há projetos para que novas leis sejam criadas. Então, caso você seja uma vítima não deixe que ações e opiniões de terceiros te definam! Vamos juntos compartilhar esta ideia. A seguir uma nota da autora.

#BlogagemColetiva: PROFUNDO e INTENSO, de Robin York | OBLOGDAMARI.COM

Sinopse dos Livros

#BlogagemColetiva: PROFUNDO e INTENSO, de Robin York | OBLOGDAMARI.COMProfundo: Caroline Piasecki vê sua vida se transformar em um pesadelo quando o ex-namorado espalha fotos dela nua na internet. De uma hora para outra, sua reputação é arruinada e o futuro promissor que a aguardaria após a faculdade já não parece tão garantido. Desesperada, ela tenta fazer com que as imagens sumam da rede e, ao mesmo tempo, procura se defender da multidão de pessoas que a julgam.

Um dia, quando um cara que ela mal conhece sai em sua defesa e dá uma surra em seu ex-namorado, tudo muda. À primeira vista, West Leavitt é a última pessoa de quem Caroline deveria se aproximar – ele tem um ar sombrio e ganha a vida de forma ilícita. Ela, por sua vez, é o tipo de garota que West sempre tentou evitar. Rica e privilegiada, jamais entenderia as dificuldades pelas quais ele já passou.

Mesmo com todas as diferenças, os dois se tornam amigos. Com Caroline, West sente que fará de tudo para ser um homem melhor, e ela encontra nele a força para reagir. Quando parece impossível resistir à paixão avassaladora, West e Caroline descobrem que às vezes a única opção que resta é ir mais fundo.

#BlogagemColetiva: PROFUNDO e INTENSO, de Robin York | OBLOGDAMARI.COMIntenso: A vida de West Leavitt foi do céu ao inferno em poucos meses. Ele achava que era possível ter um futuro melhor, mas acabou retornando para os dramas diários de sua família. Agora, em meio a uma tragédia, o rapaz não sabe o que fazer para ajudar Frankie, sua irmã caçula. Quando ele está prestes a desmoronar, só uma pessoa lhe vem à mente: a jovem segura e determinada que ele um dia pensou merecer.

Longe dali, Caroline Piasecki sonha mais uma vez com West: a pele contra o seu corpo, o cheiro dele, a mão deslizando pela sua barriga… Mas sonhos são apenas sonhos. Ela sabe que o ex foi embora e não vai voltar. Por mais doloroso que seja, Caroline precisa se esquecer do tempo que passaram juntos. Até que seu celular toca e um West transtornado está do outro lado da linha. Sem pensar duas vezes, Caroline vai ao seu encontro.

Só que muita coisa mudou desde que eles terminaram. West tenta afastar Caroline de sua vida de todas as maneiras. Ao mesmo tempo, o desejo que sentem um pelo outro parece ter ficado até mais forte no período em que estiveram separados. West ainda sente algo por ela, mas não se considera uma boa companhia para ninguém. Caroline quer estar nos braços de West, mas sabe que deve partir para que ele não sofra.

Nesse embate de emoções, eles precisarão encontrar os próprios caminhos e descobrir: por mais intenso que seja o laço que os une, ainda é possível um recomeço?