Sinopse: Quando Bradley, o namorado de Gia Montgomery, termina com ela no estacionamento do baile de formatura, ela precisa pensar rápido. Afinal, ela vem falando dele para suas amigas há meses. Esta era para ser a noite em que ela provaria que ele não é uma invenção de sua cabeça. Então, quando vê um garoto esperando pela irmã no estacionamento do baile, Gia o recruta para ajudá-la. A tarefa é simples: passar por namorado dela — apenas duas horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas. Depois disso, ela pode tentar reconquistar o verdadeiro Bradley.

O problema é que, alguns dias depois do baile, não é em Bradley que Gia está pensando, mas no substituto. Aquele cujo nome ela nem sabe. Mas localizá-lo não significa que o relacionamento de mentira deles acabou. Gia deve um favor a esse cara, e a irmã dele tem a solução perfeita: a festa de formatura da ex-namorada dele — apenas três horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas.

E, justamente quando Gia começa a se perguntar se pode transformar seu namorado falso em real, Bradley reaparece, expondo sua farsa e ameaçando destruir suas amizades e seu novo relacionamento.
Inteligente e maravilhosamente romântico, Namorado de aluguel retrata a jornada inesperada de uma garota para encontrar o amor — e possivelmente até a si mesma.

Ficha Técnica

Namorado de Aluguel - Kasie West - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo Nacional: Namorado de Aluguel – Skoob

Titulo Original: The Fill-In Boyfriend  – Goodreads

Autora: Kasie West

Tradução: Débora Isidoro

Editora: Verus Editora (Grupo Editorial Record)

Ano: 2016

ISBN: 978-85-7686-435-6

Número de páginas: 250

Sobre a Autora

Namorado de Aluguel - Kasie West - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMKasie West se formou na Fresno State University, com um bacharelado que não tem nada a ver com seu ofício de escritora. Kasie gosta de rocks sentimentais e de ficar acordada até tarde da noite.

Opinião da Nathy

Ainda estou tentando decidir meus sentimentos com esse livro. Foi uma ótima leitura. Fiquei presa do começo até o final. Um romance bem leve e divertido. Porém, teve diversas cenas em que fiquei irritada. Poderia ter tido mais romance entre os principais. Porque não conseguia acreditar tanto assim em seu amor. Talvez não tenha sido o momento certo para fazer a leitura. E também porque está mais voltado para dramas adolescentes. Mas, ainda assim gostei do livro. Não se tornou um dos meus favoritos. Mas, me fez ficar curiosa por outros livros da autora.

O livro conta a história de Gia. Uma menina muito popular na escola. Tem boas notas. Uma família muito boa. Melhores amigas que poderia pedir. E um namorado ainda mais maravilhoso. Logo estará entrando na universidade de seus sonhos. No entanto, no dia do baile de formatura seu namorado termina tudo. Ela até poderia entrar no baile sozinha se Jules não existisse em sua vida. Ela está fazendo de tudo para colocar suas amigas contra ela. Inclusive afirmando que não existe namorado nenhum. Então Gia toma a única atitude que acredita ser a certa. Pede para um estranho no estacionamento que finja ser Bradley seu namorado. No final da noite tudo o que eles devem fazer é terminar o falso namorado. Mas, tudo acaba se complicando. Ainda mais quando Gia começa a desenvolver sentimentos por seu falso namorado.

A narrativa é em primeira pessoa. Então tudo é descrito de acordo com a visão de Gia. O que é um problema nesse tipo de livro. Nunca sei se é verdade o que está dizendo. Ou é apenas a impressão da personagem. Mas, pelo andar do livro ela tinha razão em boa parte dele. Ainda assim gostaria que tivesse tido mais da visão do principal. Gostei bastante do modo de escrever da autora. A leitura não fica parada. Tudo flui de uma maneira bem rápida e dinâmica.

Era o desespero. E, mesmo sabendo que desespero não é atraente, eu não conseguia me controlar.

Tentei deixar um pouco de lado os dramas adolescentes e focar mais nas personalidades. No estilo de cada um e como resolvem seus problemas. Mas, ficou um pouco impossível justamente por causa dos comportamentos deles. Gostei muito da Gia. No entanto, gostei da personagem depois que amadureceu. Porque antes estava claro que era um tanto egoísta. Não enxergava as pessoas além do seu grupo. Muitas vezes pensando apenas em si mesma. Em como as pessoas iam enxergá-la se fizesse algo de errado. Um comportamento até normal. Porque não queria perder a sua melhor amiga. Mas, quando ela toma as rédeas da situação foi o melhor. Eu adorei ver a transformação da personagem ao longo do livro.

E Hayden foi fofo do começo até o final. Um adolescente também que passa por problemas semelhantes ao da Gia. Ainda que fosse um pouco diferente. Gostei do seu jeito alegre e divertido. Como lutava cada dia para superar as traições em sua vida. Somente quem passou por uma situação daquela entende os seus sentimentos. Teve apenas um momento em que fiquei irritada com ele. Porque por mais complicada que fosse a situação não deveria ter agido daquele jeito. Eu teria ficado mais magoada que a Gia. E teria tido a mesma atitude que a dela. Mas, claro que no final não tinha não o perdoar. Porque ele era fofo até quando se desculpava. Não se tornou um dos meus mocinhos favoritos. Foi por muito pouco. Como disse se tivesse tido mais romance poderia ter sido melhor.

O romance dos dois é bem desenvolvido e trabalho. No entanto, poderia ter sido melhor. As cenas entre eles pareciam mais de bons amigos do que algo há mais. Quando sentia que os dois estava se gostando que tornou tudo melhor. Cada gesto e toque de mãos. Porém, boa parte dele eu sentia que era um amigo ajudando o outro. Teve diversas cenas engraçadas com esses dois. No final fiquei com a sensação de que tudo foi rápido demais. Que eram amigos e de repente estavam apaixonados. Tudo porque encostaram na mão um do outro. Na minha mente as ações dele não condiziam com os seus sentimentos. Por isso não me vi cativada pelos dois.

Ia entrar sem mim depois de todo aquele drama?

Sabe aquela amizade que você faz de tudo para manter. Mas, tem aquelas pessoas invejosas que adoram se colocar no caminho. Essa é a amizade que Gia tem com Claire. As duas estavam fazendo planos juntas para a faculdade. Estavam sempre uma ao lado da outra para o que precisasse. No entanto, com a chegada de Jules as coisas mudaram um pouco de forma. E ainda que a Gia tenha mentido. Não gostei da atitude da Claire. Para quem se diz melhor amiga ela teve uma atitude muito impensada. Foi a mais imatura das meninas. Inclusive a Jules tendo feito tudo para roubar as amigas de Gia não foi tão imatura como ela. Esse foi um ponto que não gostei. Jules querendo ter tudo o que pertencia a Gia.

Quem rouba as cenas muitas vezes e Bec. A menina é simplesmente demais. Fala tudo aquilo que pensa. Mesmo que isso seja considerado “suicídio” social. Não abaixa a cabeça diante das amigas da Gia. E nem do que eles estão pensando. Tenta mostrar uma nova visão da para a Gia. De que não deve se prender tanto em certas coisas. Que deveria estar aproveitando outras. Uma menina muito divertida. No começo parecia que seria apenas irritante. Quando na verdade se mostrou muito corajosa. Uma das melhores personagens desse livro. Com uma força incrível. E ainda um pouco maluca.

A família do Hayden é muito engraçada. Sua mãe tem cada frase. Acaba dando lição de moral sem querer. Seu objetivo na verdade é levar uma vida mais tranquila. Tenta ao máximo ensinar isso para seus filhos. Que a vida não deve ser levada tão sério. Mas, devem assumir responsabilidade por cada um dos seus atos. Já a família da Gia passa a mão na cabeça de todos. Seu irmão Drew faz uma besteira muito grande. Ainda que tivesse boas intenções e seus pais não falam nada. Não demonstram afeto nem nada. Mas, não é uma crítica ao seu jeito de ser. Porque cada família tem uma dinâmica diferente.

A vingança é muito divertida.

Um livro bem leve e divertido. Para ser aproveitado em uma tarde. Para quem adora um romance irá aproveitar bastante. Mas, lembre-se que é um romance adolescente. Não tem cenas mais fortes entre os principais. Tudo é de uma forma bem ingênua e leve.

Quote Favorito

Namorado de Aluguel - Kasie West - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

Uma das coisas que me chamou atenção no livro foi a capa. Ela é muito fofa. Mostrando apenas parte do corpo deles. Tudo ficou de uma forma bem romântica. O nome do livro também ganhou um ótimo destaque. As cores fortes e vibrantes. Gostei do trabalho da editora. A diagramação que ficou simples. Não teve nada de especial nas mudanças de capítulos. Ou nas mudanças de cenas. As páginas amarelas e grossas. Não tive problemas com a tradução/digitalização.

Namorado de Aluguel - Kasie West - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Nota da Nathy

Namorado de Aluguel - Kasie West - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Namorado de Aluguel - Kasie West - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Namorado de Aluguel - Kasie West - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Namorado de Aluguel - Kasie West - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Namorado de Aluguel - Kasie West - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Onde Comprar

O livro é uma cortesia da Verus Editora. A resenha realizada aponta os pontos positivos eou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.