Sinopse: Estar conectada a ele é uma droga!Graças ao seu abracadabra alienígena, Daemon está determinado a provar que o que sente por mim é mais do que um efeito colateral da nossa bizarra conexão. Em vista disso, fui obrigada a dar um “chega pra lá” nele, ainda que ultimamente nossa relação esteja… esquentando.

Algo pior do que os Arum ronda a cidade. O Departamento de Defesa está aqui. Se eles descobrirem o que o Daemon pode fazer e que nós estamos conectados, vou me ferrar. Ele também. Além disso, tem um garoto novo na escola que, tal como a gente, guarda um segredo. Ele sabe o que aconteceu comigo e pode ajudar, mas, para fazer isso, preciso mentir para o Daemon e ficar longe dele. Como se isso fosse possível!

Até que, de repente, tudo muda.Vi alguém que não deveria estar vivo. E tenho que contar ao Daemon, mesmo sabendo que ele não vai parar de investigar até descobrir toda a verdade.
Ninguém é o que parece ser. E nem todo mundo irá sobreviver às mentiras.

Ficha Técnica

Ônix - Jennifer L. Armentrout - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo Nacional: Ônix – Skoob

Titulo Original: Onyx – Goodreads

Autora: Jennifer L. Armentrot

Tradução: Bruna Hartstein

Editora: Valentina

Ano: 2016

ISBN: 978-85-65859-89-9

Série: Saga Lux | Volume: 02

Número de páginas: 416

Sobre a Autora

Ônix - Jennifer L. Armentrout - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Jennifer L. Armentrout vive no oeste da Virginia. Quando não está escrevendo, ela passa seu tempo lendo, trabalhando, vendo filmes de zumbis, e fingindo escrever. Ela divide sua casa com o marido, um parceiro K-9 chamado Diesel, seu hiper Jack Russell Loki, e sua tartaruga de estimação chamado Michelangelo. Seu sonho de se tornar autora começou na aula de álgebra, onde ela passou o tempo escrevendo contos. Jennifer escreve livros Adultos e Jovens Adultos, fantasia e romance.

Opinião da Nathy

Eu adoro essa série. Nunca fui fã de livros com alienígenas, mas essa série da Jennifer me conquistou. No primeiro volume fiquei apaixonada pelos personagens. E pelo modo que a história finalizou mal podia esperar pelo segundo. Quando chegou comecei a devorar. Porém, chegou uma parte do livro que comecei a fiar bem irritada. A mocinha estava me dando nos nervos. Vontade de bater muito nela. Não estava esperando por várias coisas. Principalmente no final que fiquei com o coração partido. Mas, a história continua sendo muito bem trabalhada. E fazendo você ficar na expectativa dos próximos volumes. Espero que não demore a sair pela a editora. Porque essa série é muito amor.

Ônix continua relatando a história de Daemon Black e Katy Swartz. O segundo livro inicia exatamente no ponto que finalizou o primeiro. Agora Katy e Daemon tem uma conexão mais forte. Daemon está disposto a fazer qualquer coisa para mostrar como se sente. Mostrar para Katy que ele vale a pena. Que os dois juntos pode ser algo maravilhoso. Mas, ele terá obstaculos maiores para enfrentar além da teimosia da garota. A chegada de um novo garoto na cidade mexe com a estrutura de todos. Ele também parece disposto a ir até as últimas consequências pela atenção da Katy. Como se não bastasse ter que lidar com esses problemas. Daemon se vê diante de um desafio muito maior quando alguém de seu passado retorna. Agora Daemon e Katy te que se unir para enfrentar todos seus adversários. Mas, será que o amor e a confiança de ambos irão sobreviver no final?

A narrativa sendo em primeira pessoa me incomoda demais. Principalmente quando tem apenas um lado da história. Tudo bem que a escrita da Jennifer é muito boa e instigante. Em alguns momentos não me importava com esse detalhe. Porque conseguia compreender exatamente como os outros personagens estavam se sentindo. Meu maior problema era que quanto mais estava lendo. Mais estava ficando com raiva da Katy. Fora meus momentos de raiva a leitura fluía de uma maneira muito boa. Os melhores momentos definitivamente eram quando o Daemon estava presente.

Recusei-me a pensar no que o Daemon faria quando me visse chegando com o Blake.

No primeiro livro tinha ficado encantada com a Katy. Sua força de vontade e o modo que enfrentava o Daemon. Deixava claro que ela tinha uma personalidade muito forte. Aquela mocinha que te encanta do começo até o final. Isso até chegar nesse livro. Eu tentava entender cada uma das ações dela. Tentava me colocar em seu lugar. Porém, chegou em um ponto que não dava mais. Ela estava sendo muito teimosa. Tomando algumas decisões importantes sozinha. Pior de tudo não confiando no Daemon. Que mesmo em seus momentos mais babacas demonstrava que podia confiar nele. Isso fez com que causasse um estrago muito grande na família. Eu fiquei muito irritada com ela. Escrevendo a resenha eu sinto a raiva retornando. Espero mesmo que ela volte a ser forte, determinada e, principalmente, esperta nos próximos volumes.

Agora o Daemon. Ele é simplesmente perfeito. Por isso mesmo que não é desse mundo. Faz tudo o que está ao seu alcance para demonstrar seus sentimentos. Mostrar que vão muito além da conexão deles. Não mede esforços em ajudar Katy. Fica preocupado até não querer mais com a menina. Mesmo quando ela acha que tem tudo sobre controle. Não a culpa por nada. Mesmo que tenha avisado mais de mil vezes que algumas coisas poderiam acontecer. Eu ficava com muita pena dele quando a Katy falava algo que o magoava. Ou por ela não perceber como ele a amava. Como apenas queria que estivesse segura. Para que não ocorresse a mesma situação que com seu irmão. Ele é demais. Nesse livro fiquei ainda mais apaixonada por ele.

Não entendo como a Katy resiste a esse homem. Eu acho que teria cedido logo na primeira provocação. O romance deles demora um pouco para desenvolver nesse livro. Por causa da teimosia da Katy. Eu até entendo que para ela parece que ele está gostando dela por causa da conexão. Mas, depois de alguns momentos importantes não sei porque continuava pensando dessa forma. E magoando o rapaz de um jeito bem desnecessário. Porque claro que ele não poderia estar apaixonado por ela. Mas, o menino novo claro que poderia ter se apaixonado no primeiro olhar. Nossa ela me levou ao limite com seus pensamentos. Tem alguns momentos de pegação entre os dois. E aja computador para explodir. Porque eles são mesmo bem intensos.

Não. Eu não perdi nada. Eu ganhei.

E se a Katy estava me irritando. Quando começou a interagir com o Blake eu quase tive um infarto. No momento em que apareceu e começou a conversar com ela desconfiei do personagem. Nada podia estar acontecendo por acaso. E quando começou a ajudá-la foi que minhas suspeitas aumentaram. Ficava muito frustrada pela Katy não fazer nada. Na verdade, ficava agindo como se tudo fosse muito normal. Blake era um personagem muito forçado. Todas as suas falas e atitudes pareciam ser programadas. Com uma personalidade muito fraca. Não tinha como confiar.

Eu senti muita falta da Dee nesse livro. Ela no primeiro torce uma animação gostosa. O que faltou nesse livro. Mesmo tendo Daemon com suas falas sarcásticas. A Dee conseguia me trazer um sorriso no rosto. E queria tanto que seu romance com o Adam tivesse sido mais trabalhado. Justamente por causa de seus medos e receios. A autora passou muito por cima deles. Mereciam um espaço muito maior. Falar que eles apenas se beijaram e já mudava de cena era muito pouco. Queria ouvir a Dee falando sobre como estava se sentindo ao lado do rapaz. Entender mais de seu relacionamento.

Alguns personagens do primeiro livro ficaram bem apagados nesse como a Ash. A mãe da Katy. As amigas da Katy. Mas, na verdade nem me importava muito. Na verdade, eu acho que apenas senti falta da Ash. Merecia ter um espaço e a história trabalhada nela. Fico com pena da garota. Se fosse em outro livro eu acho que torceria para que ficasse com Daemon. Daria uma história bonita. Mas, aqui é difícil não torcer por ele com a Katy. Enfim, outros personagens ganharam espaço. Os vilões no caso. E eu não conseguia sentir nada por eles. Nem mesmo raiva porque não valia a pena.

Depois de te ver dançar, eu diria que você se sentiria em casa nos anos 80

Obviamente que eu recomendo essa saga para todo mundo. Atinge diversos públicos. Quem gosta do tema sobrenatural e quem gosta de romance principalmente. Ainda tem para quem gosta de uma boa trama. Não fica focado completamente no romance. E sim na guerra entre os Arum e os Luxs. Sem contar os humanos no meio de tudo isso querendo um pouco de poder. Mas, tem que ser lido na ordem porque senão terá spoilers. E poderá ficar um pouco perdido.

Quote Favorito

Ônix - Jennifer L. Armentrout - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

Eu estou adorando o trabalho da editora com as capas desses livros. A capa foi mantida no original. O que já é um ponto positivo. Não gosto quando as editoras quere inventar. Porque em muitos casos acabam errando feio. O nome do livro está destaque. E ainda tem uma textura diferente. Quando vi a primeira vez fiquei como uma boba somente analisando os detalhes. Um trabalho muito bem feito. Gosto muito dos modelos escolhidos eles combinam bem com os personagens.

Ônix - Jennifer L. Armentrout - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

A diagramação é simples. Cada capítulo inicia em uma nova página. Tem marcação quando ocorre mudanças de cenas dentro do mesmo. Tem um simbolo na parte superior das páginas junto com o nome do livro. E o volume da saga. As páginas são amarelas e grossas. Não tive problemas com a digitalização/tradução.

Nota da Nathy

Ônix - Jennifer L. Armentrout - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Ônix - Jennifer L. Armentrout - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Ônix - Jennifer L. Armentrout - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Ônix - Jennifer L. Armentrout - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM Ônix - Jennifer L. Armentrout - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Datas de Lançamento

  • Shadows – Lux #0.5 – Não há previsão de lançamento no Brasil
  • Obsdiana – Lux #01 – Lançado em 2015 – Resenha
  • Oblivion – Lux #1.5 – Não há previsão de lançamento no Brasil
  • Ônix – Lux #02 – Lançado em 2016
  • Opal – Lux #03 – Não há previsão de lançamento no Brasil
  • Origin – Lux #04 – Não há previsão de lançamento no Brasil
  • Opposition – Lux #05 – Não há previsão de lançamento no Brasil
  • The Wedding – Lux #5.5 – Não há previsão de lançamento no Brasil

Onde Comprar

O livro é uma cortesia da Editora Valentina. A resenha realizada aponta os pontos positivos eou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.