Sinopse: O único lugar onde Kellan Kyle sempre se sentiu em casa foi no centro de um palco. Tocando guitarra num bar escuro, ele consegue esquecer o passado doloroso. Nos últimos tempos a sua vida se resume em três coisas: música, seus companheiros de banda e intensos encontros sexuais. Até que uma mulher muda tudo.

Kiera é o tipo de garota que Kellan jamais deveria desejar — ela é inteligente, doce, e também a namorada do seu melhor amigo. Convencido de que nunca conseguirá merecer o amor dela, ele esconde a sua crescente atração… até que o coração atormentado de Kiera oferece a Kellan algumas pistas de que os sentimentos dele podem ser correspondidos. Agora, não importam as consequências, Kellan tem uma certeza: não vai deixar Kiera escapar sem lutar por ela.

Ficha Técnica

RockStar - S.C. Stephens - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo Nacional: RockStar – Skoob

Titulo Original: Thoughtful – Goodreads

Autor(es): S.C. Stephens

Tradução: Renato Motta

Editora: Valentina

Ano: 2016

ISBN: 978-85-5889-021-2

Série: RockStar | Volume: 1.5

Número de páginas: 509

Sobre a Autora

RockStar - S.C. Stephens - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMS. C. Stephens é um dos maiores fenômenos da autopublicação dos Estados Unidos (agora uma das estrelas da Gallery Books). Adora escrever histórias bem românticas, recheadas de emoção e paixão. Além de escrever, adora ler novos autores, ir ao cinema e, principalmente, estar com os filhos.

Opinião da Nathy

Não estava querendo fazer a leitura desse livro. Já tinha visto o sofrimento da Mari nessa trilogia. E não queria me envolver com esse triângulo amoroso. Uma das coisas que mais detesto. Seja em livros, séries ou doramas. Acaba com toda a minha estrutura emocional. Ainda mais quando os dois personagens conseguem ser muito fofos. Mas, acabei dando uma chance. Mesmo sabendo que seria uma tortura ver Kellan Kylie sofrendo por causa da mocinha. E, sim, tive muita raiva da menina. Quase entrando no livro e querendo bater nela. Falar para não ser tão egoísta. Mas, mesmo com tudo isso consegui gostar demais do livro. Tudo por causa de Kellan. Que conseguiu chegar no meu top 5 mocinhos favoritos. Ele é muito fofo.

RockStar conta a história de Intenso Demais, mas na visão de Kellan Kylie. Ele é um homem que quer saber de aproveitar a sua vida. Toda noite está com uma mulher diferente. Não se importa quem seja. Ele apenas precisa sentir alguma coisa. Seu mundo vira de cabeça para baixo quando conhece Kiera. Ela é tudo o que sempre quis. Uma menina linda, batalhadora, determinada e de bom humor. Tudo estaria certo. Se Kiera não fosse a namorada de seu melhor amigo Denny. Ele é a pessoa mais importante de sua vida. Mas, Kellan não sabe o que fazer com tudo o que está sentindo. Apenas sabe que não pode deixar o sentimento de lado. E nesse ponto que sua vida toma rumos bem complexos.

A narrativa como disse é em primeira pessoa. Tudo se passa na visão de Kellan. Todo seu sofrimento é exposto ao leitor sem nenhuma piedade. Eu pensava que iria demorar muito para ler. Que enrolaria durante diversos dias. No entanto, a narrativa é tão boa que te prende do começo até o final. Não sei se foi assim com os outros livros. Porém, nesse volume eu me sentia tão conectada que precisava saber o que iria ocorrer. Como esse triângulo iria se desenvolver. A escrita da Stephens é muito envolvente e cativante. Agora tomar coragem e ler os próximos volumes dessa jornada.

Havia algo de importante dentro de mim que morria de vontade de extravasar.

O que dizer de Kellan Kylie. Ele tinha tudo para ser mais um clichê literário. O menino mal compreendido que buscava conforto nos braços de diversas mulheres. Porém, ele consegue cativar o coração de qualquer mulher. Não é apenas mais um personagem literário. Ele faz sentir como se fosse real. Todos os seus problemas e angustias. Cada vez que sofria nas mãos da Kiera eu tinha vontade de apertá-lo e dizer que tudo ficaria bem. Que não tinha que se preocupar com nada. Tudo o que queria era alguém para amar. Ser bom o suficiente para aquela pessoa. Mas, não importava o que fazia parecia que nunca era o suficiente. Eu fiquei apaixonada por ele. E torcendo para que chegasse o momento que se sentisse merecedor de tudo. Ele é incrível. Fosse no palco tocando com sua banda. Ou dentro da sua casa sozinho. Ele conseguia deixar o ambiente melhor.

Agora a Kiera me levou ao limite da loucura. O que essa menina estava pensando da vida? Pode ser que no livro em sua visão fosse mais compreensível suas atitudes. No entanto, vendo tudo pela perspectiva do Kellan. Parecia que ela apenas queria brincar com o rapaz. Ter consolo enquanto seu namorado estava longe. Não conseguia sentir todo esse amor que ela jurava sentir. Ela me pareceu mimada e egoísta. Uma personagem fraca. Não consegue tomar em suas mãos as decisões importantes de sua vida. E quando toma coragem, não consegue se manter fiel ao que disse. Mudava de ideia a cada cinco segundo. Isso quando não estava chorando se fazendo de vítima. Ainda achava que tinha algum direito sobre a vida do Kellan.

Por isso que não julgo as atitudes que ele teve ao longo do livro. Porque não tinha um compromisso sério com ela. E mesmo se quisesse a Kiera parecia não estar disposta a arriscar nada. O romance dos dois é bem conturbado. Se o Denny não existisse tudo seria bem perfeito. Mas, como ele está presente no livro torna a situação bem complexa. O que mais me irritou nesse triângulo foi a Kiera. Vendo apenas por esse livro ela não merece o Kellan. Ele é bom demais para ela. Os momentos entre os dois são fofos demais. A forma como ele cuida dela. Demonstra todo seu amor é realmente tocante. Ele não precisava de muita coisa. Apenas de ser escolhido.

Sonhara tanto com aquele momento. Queria tê-la novamente, e muito. Isso mesmo, deixe que eu ame você.

Ainda mais porque o Denny quase não aparece nesse livro. Apenas em certos momentos e até que importantes. Ele é uma peça fundamental na vida de Kellan. Por tudo que vivenciou no seu passado. Da forma como foi tratado. O Denny era uma ótima válvula de escape. Eu até acredito que o Denny era uma pessoa maravilhosa. Como todo mundo afirmava no livro. E nenhuma pessoa merece o que teve que passar com seu melhor amigo e namorada. No entanto, não consegui sentir muita empatia por ele. Justamente por quase não aparecer e ter aquele contato mais profundo. Acho que sentiria muito mais se o Denny fosse mostrado um pouco mais. No entanto, eu gostei que foi na medida certa. Porque meu coração já estava todo com o Kellan.

Comentando sobre os demais personagens. Os pais do Kellan somente vão ser mencionados porque não mereciam nem estar na resenha. Eles são muito desprezíveis. Isso é tudo o que irei dizer dessas pessoas. Melhor focar nas partes boas. Como a banda dele. O D-bags conseguem se completar de uma forma única. Cada um com sua personalidade diferente. E até mesmo explosiva. O Matt foi o que achei mais apagado. Toda vez estavam aprontando com ele. Ou não levando muito a sério o que estava dizendo. O que me incomodou um pouco. Queria que tivesse tido um pouco mais espaço. Mas, nada que roubasse as cenas do Kellan.

O Griffin foi um idiota. Sempre contando vantagem sobre ter dormido com um monte de mulheres. E pior contando cada detalhe. Não tendo nenhum respeito por qualquer mulher. Fiquei bem frustrada com ele. Que também tinha tudo para ser ótimo. Do jeito que o Evan era. Muito perfeito. O mais centrado de todos. Querendo levar seu som a sério. Se preocupando ao extremo com o Kellan. E ainda tendo que lutar contra os próprios sentimentos. Eu estava na torcida para que ficasse com uma das meninas. Do mesmo jeito que mesmo não devendo torci para que Griffin encontrasse alguém a sua altura. Que não deixaria tudo na mesma.

Mas eu ainda não posso ficar com você.

Um livro mais do que recomendado. Pode ser lido de forma independente. Eu não li nenhum dos livros dessa trilogia e consegui entender toda a situação. E ainda torcer pelos meus favoritos. Não tem spoilers dos próximos volumes. Tudo o que acontece nesse é do primeiro volume. Eu gostei bastante foi um ótimo romance. Mesmo que em alguns momentos eu ficasse morrendo de raiva dos personagens.

Quote Favorito

RockStar - S.C. Stephens - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

Eu amei essa capa. Representa muito o Kellan e todo o seu sofrimento. Eu vejo alguém que está cansado de tudo. O carro dele estando presente deu um toque ainda melhor. Afinal esse carro é o amor dele. Não poderia ficar de fora. O nome do livro também conseguiu um destaque especial. Conseguindo completar cada uma das partes da capa. Nada chama mais a atenção do que o outro. O nome da autora que ficou um pouco apagado. Mas, nada que me incomodasse.

RockStar - S.C. Stephens - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

A diagramação é simples. Cada capítulo inicia em uma nova página. Não tem marcação quando ocorre mudanças de cenas dentro do mesmo capítulo. As páginas são brancas e grossas. Sei que algumas pessoas não gostam. Mas, isso não me incomodou. Não tive problemas com a tradução/digitalização.

Datas de Lançamento

  • Intenso Demais – Rock Star #1 – Lançado em 2014
  • Rock Star – Rock Star #1.5 – Lançado em 2016
  • Complicado Demais – Rock Star #2 – Lançado em 2014
  • Perigoso Demais – Rock Star #3 – Lançado em 2015
  • Merry Christmas Kellan Kyle – Rock Star #3.5 – Não há previsão de lançamento no Brasil
  • Untamed – Rock Star #4 – Não há previsão de lançamento no Brasil

Nota da Nathy

RockStar - S.C. Stephens - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMRockStar - S.C. Stephens - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMRockStar - S.C. Stephens - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMRockStar - S.C. Stephens - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMRockStar - S.C. Stephens - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Onde Comprar

O livro é uma cortesia da Editora Valentina. A resenha realizada aponta os pontos positivos eou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.