Sinopse: 

Ficha Técnica

A Sombra do Passado - Sylvain Reynard - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMTitulo Nacional: A Sombra do Passado Skoob

Titulo Original: The Shadow – Goodreads

Autor: Sylvain Reynard

Tradução: Santiago Nazarian

Editora: Arqueiro

Ano: 2016

ISBN: 978-85-8041-627-5

Série: Noites em Florença

 Volume: 02

Número de páginas: 282

Sobre os Autores

Quase nada foi divulgado sobre a verdadeira identidade do autor por trás do pseudônimo Sylvain Reynard. Sabemos que ele é canadense, já escreveu vários livros de não ficção e tem um profundo interesse pela arte e pela cultura renascentistas. Mas, embora declare ser do gênero masculino, seus fãs têm uma forte suspeita de que na verdade S.R. seja uma mulher. Semifinalista ao prêmio de Melhor Autor e Melhor Livro no Goodreads Choice Awards de 2011, Reynard apoia diversas instituições de caridade e acredita que a literatura ajuda a explorar os diversos aspectos da condição humana, como o sofrimento, o amor e a redenção.

Opinião da Nathy

Finalmente a continuação de A Transformação de Raven. Ainda não terminei a trilogia do Gabriel. Mas, não consigo largar os livros dessa nova trilogia. Eu fico encantada com a dinâmica deles. Apesar de ter achado esse livro um pouco cansativo. Não estava conseguindo me conectar com os personagens. Mas, ainda assim não me decepcionou. Eu acho que esses livros escritos pelo Sylvain Reynard são muito bons. Tem algo que chama a atenção. Que atrai de uma forma que não consigo mais largar. Preciso chegar até o final. Por isso preciso logo do próximo livro. Porque agora parece que tudo complicou de vez.

Em A Sombra do Passado continua sendo relatado a história de William York e Raven Wood. Os dois estão juntos de novo e vivendo seu amor da forma mais intensa possível. O príncipe nunca esteve tão apaixonado. Porém, tem medo do que pode acontecer com Raven. Não ia suportar perdê-la. Então a protege de seus súditos. Das pessoas do seu reino. Isso até que um inimigo muito poderoso promete destruir essa felicidade. Agora William tem que fazer ao que estiver ao seu alcance para preservar esse amor. Já Raven também está passando por momentos difíceis. Quando o seu passado parece que não a quer deixar em paz. Sentimentos antes adormecidos parecem estar a consumindo por dentro. Mas, se deseja um futuro ao lado de William precisa exorcizar o seu passado.

A narrativa é em terceira pessoa. O foco muda entre os personagens não somente entre os principais. Mas, é fácil de acompanhar. Pois, tudo é justificado desde o começo do capítulo. Eu gosto do modo de escrever de Slyvain Reynard. Tem alguma coisa mais clássica no seu modo de escrever. No entanto, não deixa cansativo nem exaustivo. Sim, tiveram momentos no livro que queria que a história andasse. Porém, não acho que tenha sido um problema na escrita. Tudo no final parecia se encaixar.

Você é um sonho. Um sonho de amor que eu nunca achei que fosse ter.

A Raven nesse livro parece estar mais determinada. Não somente em ficar com William. Mas, em tomar conta de sua própria vida. Não quer ninguém tomando decisões por ela. Mesmo que seja com a intenção de protegê-la. Sabe se cuidar e não quer ninguém a tratando como uma criança. E nossa foi muito bom vê-la assumindo tudo isso. Não ficando dependente do William ou do seu amor. Ainda sentia falta dele quando estava longe. Mas, não vivia em função dele. Tinha seu trabalho e fazia questão de continuar com o mesmo. Não agiu como covarde.

O William em alguns momentos me irritou bastante. Essa coisa de pensar que a mulher é frágil é demais. Mas, ele foi aprendendo muito com Raven. Sobre o que ela considerava justiça. E nem tudo tinha que terminar em morte. Faz o que está ao seu alcance para proteger a sua cidade. E todos que considera como amigo. Em um ponto do livro eu fiquei sem saber como reagir. Porque estava com raiva da atitude dele. Ao mesmo tempo em que entendia porque estava fazendo tudo aquilo. Foi bem conflitante.

O romance dos dois continua sendo muito bem trabalhado. Porque o William passa a aprender mais de seus sentimentos. Do porque quer tanto ver a Raven feliz. Porque é importante que ela esteja bem e segura. Gosto do modo como esses dois conseguem se completar. As cenas de amor entre eles são bem intensas. Mas, não fica no sexo. Quando o autor está descrevendo percebe o amor que existe entre o casal. Mesmo que o William de repente faz algo que me dava vontade de bater nele.

Nunca terei sua nobreza de espirito ou sua natureza protetora, mas serei feliz enquanto tiver seu amor.

Além do romance eu gosto que tem a trama envolvendo o reinado de William. Eu não consigo gostar das pessoas mais próximas dele. Na minha visão eles estão querendo seu trono e apenas esperando o momento certo. Então atacar e conseguir comandar a cidade. Não gosto da Aoibhe. Ela apenas deseja o trono e fica se fazendo de vítima. Como se realmente amasse o príncipe e quisesse ficar para sempre ao seu lado. Niccolo e Lorenzo são dois que poderiam ter sido grandes vilões se tivessem mais personalidade. Simplesmente são fracos.

Quem pode dominar no próximo livro é a Cúria. Estou esperando ansiosamente por algo bem intenso. Nesse livro foi abordado um pouco mais sobre quem são esses inimigos. E o que estão dispostos a fazerem pelo poder. Para na visão deles proteger os seres humanos. Quando na verdade parece ser apenas fanáticos achando que tem direito de fazer o que tem vontade. Mas, estava querendo mesmo um vilão bem forte para enfrentar o príncipe. Porque até esse momento parece que ninguém é forte o suficiente.

No primeiro livro a família de Raven me irritou bastante. E nesse não foi diferente. A mãe dela continua sendo uma mulher que não assume as responsabilidades. No entanto, acredito que Raven esteja forçando muito a barra. Se sua irmã está bem com seu passado não deve ficar remoendo. Porque isso pode não fazer bem para a sua irmã. Como de fato foi mostrado em algumas partes. No que essa insistência poderia causar nas duas. Apenas acho que a sua irmã deveria enfrentar a situação quando estivesse pronta. Afinal é sobre a vida dela.

Sou membro de um grupo chamado Cúria.

Imagina se não recomendo esse livro para todo mundo. Tem romance bem leve e gostoso. Tem a parte sobrenatural bem desenvolvida. E ainda planos conspiratórios pelos poder. Uma mistura de tudo que funcionou muito bem. Vale a pena a leitura. Mas, deve ser lido na ordem por causa de spoilers.

Quote Favorito

A Sombra do Passado - Sylvain Reynard - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Capa e Diagramação

Eu gosto de como o rosto do homem está parcialmente escondido nas sombras. E a cidade tem um destaque maior. O nome do livro tem um destaque que chama bastante atenção. Uma capa simples, mas muito linda. Tem esse toque sombrio. Ao mesmo tempo que romântico. Aliás, as capas dos livros do Sylvain Reynard são lindas demais.

A Sombra do Passado - Sylvain Reynard - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

A diagramação é simples. Cada capítulo começa em uma nova página. Tem uma marcação quando ocorre mudanças de cenas dentro do mesmo capítulo. Não tive problemas com a tradução/digitação. As páginas são amarelas e grossas.

Datas de Lançamento

  • O Príncipe das Sombras – Noites em Florença #0.5 – Lançado em 2015 – Resenha
  • A Transformação de Raven – Noites em Florença #01 – Lançado em 2015 – Resenha
  • A Sombra do Passado – Noites em Florença #02 – Lançado em 2016
  • The Roman – Noites em Florença #03 – Não há previsão de lançamento no Brasil

Nota da Nathy

A Sombra do Passado - Sylvain Reynard - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMA Sombra do Passado - Sylvain Reynard - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMA Sombra do Passado - Sylvain Reynard - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMA Sombra do Passado - Sylvain Reynard - #Resenha | OBLOGDAMARI.COMA Sombra do Passado - Sylvain Reynard - #Resenha | OBLOGDAMARI.COM

Onde Comprar

O livro é uma cortesia da Editora Arqueiro. A resenha realizada aponta os pontos positivos eou negativos de forma sincera, encontrados pela autora do post durante a leitura do livro. A opinião da autora é pessoal e independente da editora.